Diário da Manhã

domingo, 17 de novembro de 2019

Notícias

AÇÃO CONJUNTA : BM e Guarda Municipal realizam fiscalização

08 novembro
08:39 2019

Abordagens, revistas e identificação, numa operação que percorreu o centro da cidade e também bairros. Na quarta à noite, mais uma operação conjunta, que reuniu Brigada Militar, Guarda Municipal e Agentes e Trânsito. O trabalho de fiscalização foi levado a diferentes regiões da cidade. Assim, tanto houve abordagens em locais que, costumeiramente, reúnem aglomeração e movimento, como as proximidades de universidades, bem como em bairros nos quais, com regularidade, têm sido registrados furtos e roubos. A ação conjunta, além de contribuir para aumentar a sensação de segurança, por conta do deslocamento das viaturas em diferentes vias, também coíbe irregularidades e infrações.

Rodoviária foi um dos locais da ação na quarta à noite

Rodoviária foi um dos locais da ação na quarta à noite

AUTUAÇÕES – As equipes estiveram em locais estratégicos. E o Terminal Rodoviário, onde há permanente movimento de passageiros, familiares e comerciantes, foi um dos pontos para fiscalização. A ação evidencia resposta para evitar novos episódios, como o assalto nesta semana, no qual uma senhora foi esfaqueada no banheiro da Rodoviária. De acordo com a divulgação, a ação conjunta resultou na autuação de cinco condutores de veículos, sendo que 31 foram abordados. Um dos veículos foi removido pelo serviço de guincho, designado pelo Detran.

                EMBRIAGUEZ – No amanhecer de ontem, equipe da Brigada Militar realizava patrulhamento à rua General Osório quando, à esquina com a rua Voluntários da Pátria, foi observado que um veículo passou o sinal vermelho. A infração quase ocasionou colisão com a viatura da BM. Os policiais militares acompanharam o deslocamento da caminhonete S-10, e efetuaram a abordagem do condutor. Enquanto era identificado, foi possível perceber que o homem estava embriagado, inclusive expressando-se com dificuldade. O motorista fez o teste no etilômetro, e o resultado apontou para 0,91 mg/l. Na contraprova, o resultado foi de 0,69 mg/l. Com isso, comprovou-se o estado alterado do condutor. Assim, ele recebeu voz de prisão, e foi encaminhado para exame de saúde. Posteriormente, conduzido à Delegacia de Pronto Atendimento (DPPA), onde foi arbitrado o valor da fiança.

Notícias Relacionadas

Comentários ()

Seções