Diário da Manhã

quinta, 27 de fevereiro de 2020

Notícias

Africanidades: Mostra de Trabalhos Escolares é aberta

Africanidades: Mostra de Trabalhos Escolares é aberta
20 novembro
14:37 2013

A mostra de trabalhos escolares “Africanidades”, que integra as atividades da Semana da Consciência Negra, promovida pela Secretaria de Justiça Social e Segurança (SJSS) foi oficialmente inaugurada na tarde de ontem 19/11, na sala Frederico Trebbi – hall do Paço Municipal, pelo prefeito Eduardo Leite.

Prefeito Eduardo na Africanidades Foto: Eduardo Beleske

Prefeito Eduardo na Africanidades
Foto: Eduardo Beleske

Promovida pela Secretaria de Educação e Desporto (Smed), a exposição de trabalhos foi apresentada de forma oral e cultural, expondo a diversidade da cultura afro por meio de artesanato, pintura, escultura, desenho, culinária, apresentações de dança e música, além de contação de histórias, fazendo um resumo do que foi feito nas escolas durante o ano letivo pelos próprios alunos da rede municipal de ensino.

A programação ainda conta com apresentação de trabalhos artísticos no Largo Edmar Fetter, nesta quarta-feira (20/11/2013) e quinta-feira (21/11/2013), às 17h30, com o encerramento da mostra.

O prefeito Eduardo Leite enfatizou a importância da inclusão e da formação da consciência de igualdade social e que todos possam crescer com valores sólidos e respeito à diversidade. “Estamos construindo um caminho cada vez mais fortalecido para a sociedade local, que cresceu com a colonização africana e o trabalho escravo e isso tudo precisa ser reconhecido pela sociedade”, destacou o prefeito.

Evento faz parte das atividades da Semana da Consciência Negra

Evento faz parte das atividades da Semana da Consciência Negra

Vice-presidente do Conselho para Participação de Desenvolvimento da Comunidade Negra de Pelotas, Fábio dos Santos Gonçalves, cumprimentou todos os gestores públicos que incentivam o respeito à diversidade. “Essas práticas proporcionam às pessoas e principalmente às crianças crescerem com valores sólidos de respeito à diversidade, de orgulho da sua história e da sua cor, e onde as oportunidades sejam iguais para todos”, afirma.

Notícias Relacionadas

Comentários ()

Seções