Diário da Manhã

sexta, 23 de agosto de 2019

Notícias

AGRICULTORES DA REGIÃO : Assinatura de contrato garante a aquisição de alimentos

AGRICULTORES DA REGIÃO : Assinatura de contrato garante a aquisição de alimentos
13 fevereiro
09:30 2019

Ontem, no Salão Nobre da Prefeitura, a prefeita Paula Mascarenhas e representantes dos 25 agricultores selecionados pelo Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) da Secretaria de Assistência Social (SAS) assinaram termo de compromisso para aquisição de frutas, verduras, hortaliças e grãos diretamente das propriedades rurais.

Através da parceria, recurso de R$ 400 mil, do Governo Federal, será pago diretamente aos agricultores da região, à medida que os produtos forem entregues. Um novo chamamento deve ser feito em breve para o fornecimento de produtos que não foram contemplados no primeiro momento, podendo chegar a 62 agricultores/fornecedores.

A prefeita Paula Mascarenhas admitiu ter sido resistente ao projeto, já que nenhum município do porte de Pelotas havia aderido. Tinha medo de criar expectativas na comunidade e frustrá-las. Mas disse saber que poderia ser um projeto maravilhoso.

Ela elogiou a definição dos grupos de agricultores prioritários – 40% das vagas serão prioritárias para comunidades quilombolas; 40% para mulheres agricultoras; 5% destinadas a produtores orgânicos; e os demais 15% na modalidade de livre concorrência. “Valoriza o agricultor, as pessoas acolhidas e a economia local”.

Em 2018, a Assistência Social investiu R$ 180 mil nesses produtos. Agora, esses valores poderão ser investidos em outras áreas.

Além da SAS, o projeto envolve a Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), a Emater e o Conselho Municipal de Assistência Social. Os alimentos serão utilizados em todos os serviços da Assistência Social, Serviços de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV), Centro de Referência de Assistência Social (Cras), Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas), abrigos de crianças e adolescentes, idosos, residência inclusiva, Casa Luciéty e Casa de Passagem, além das cestas oferecidas a famílias em situação de vulnerabilidade.

PAGAMENTO será feito pelo Governo Federal, diretamente aos agricultores

PAGAMENTO será feito pelo Governo Federal, diretamente aos agricultores

OS FORNECEDORES

Mulheres agricultoras - Para a agricultora e filha de agricultores, Marciane Woldow Greinke, o Programa valoriza os produtos de Pelotas e região e os pequenos agricultores. Ela, que fornecerá goiaba, bergamota e laranja, diz esperar mais projetos como este, para o Município.

Comunidades Quilombolas – No primeiro momento, 11 famílias das três comunidades quilombolas de Pelotas – do Algodão, Alto do Caixão e Vó Elvira – participam do projeto.

Eles serão responsáveis pela entrega de cerca de 15 toneladas de alimento, entre produtos como alface, abóbora, cebola, couve-flor, cenoura, beterraba, couve, tempero verde, batata doce e inglesa, laranja e pêssego.

O representante da categoria na cerimônia foi Joaquim Soares, de 82 anos, o agricultor mais velho do grupo. Ele disse estar feliz: “Muito bom. Estamos participando das coisas”, resumiu.

Notícias Relacionadas

Comentários ()

Seções