Diário da Manhã

sexta, 23 de agosto de 2019

Notícias

Atendimento gratuito marca Dia Nacional de Combate ao Câncer da Pele

20 novembro
17:06 2013

A Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) promove o “Dia Nacional de Combate ao Câncer da Pele” no sábado, 30 de novembro. É o dia dedicado pelos dermatologistas a orientar e examinar gratuitamente a população para prevenção e diagnóstico do câncer da pele. No Rio Grande do Sul, serão dez postos de atendimentos e 221 voluntários, entre dermatologistas e pessoal de apoio. A expectativa é de realizar 2.010 exames clínicos.

Ação que destaca importância da prevenção será realizada no dia 30 de novembro em seis cidades do Rio Grande do Sul

Ação que destaca importância da prevenção será realizada no
dia 30 de novembro em seis cidades do Rio Grande do Sul

Haverá postos de atendimento em Porto de Alegre, Canoas, Pelotas, Rio Grande, Santa Cruz do Sul e Santa Maria. O paciente será submetido à avaliação clínica e se for diagnosticado com câncer da pele será encaminhado para tratar gratuitamente a doença. Nos postos haverá também palestras e folders com informações sobre a doença e sobre proteção solar. No Brasil, este ano, cerca de 4 mil médicos voluntários e outros profissionais da área de saúde irão fazer o atendimento gratuito em 139 postos montados nos serviços de saúde instalados em 24 estados.

“A ação que estamos promovendo é importante para transmitirmos informações de conscientização sobre a doença e auxiliarmos na prevenção desse tipo de câncer mais comum no Brasil”, afirma o presidente da SBD-RS, Renato Bakos. Segundo estimativas do Instituto Nacional do Câncer (Inca), devem ser registrados mais de 140 mil casos novos este ano no Brasil.

Até hoje, as ações desenvolvidas no Dia Nacional de Combate ao Câncer da Pele atenderam mais de 450 mil pessoas. Só no ano passado, foram cerca de 33 mil atendimentos, com média de 13,5% de incidência de câncer da pele, índice bem acima de anos anteriores — 63% das pessoas revelaram que costumam ficar expostas ao sol sem proteção. O Rio Grande do Sul está bem acima da média brasileira, com 17,5% de incidência sobre o total atendido. É o terceiro estado em número de casos, logo abaixo de Rio Grande do Norte e Santa Catarina. “Por isso, é muito importante que as pessoas que fazem parte do grupo de risco procurem atendimento”, explica o coordenador da Campanha no Rio Grande do Sul, dermatologista Gustavo Pinto Corrêa.

 

Pacientes de risco são o foco do Dia Nacional

de Combate ao Câncer da Pele

A exposição ao sol de forma inadequada pode trazer inúmeros prejuízos à saúde, além de ser responsável pelo câncer de maior incidência no Brasil, o câncer da pele. Se uma pessoa tem qualquer um dos fatores que podem levar à doença, deve comparecer aos postos no dia 30 de novembro e realizar o exame preventivo gratuito:

-  Pessoas com histórico de câncer de pele na família

-  Indivíduos com pele muito clara, que costuma ficar com vermelhidão e nunca bronzeia

-  As pessoas com cabelos claros

-  Com olhos claros

-  Que possuem pintas pelo corpo

-  Que já sofreram queimaduras pelo sol

-  Que possuem sardas na face e/ou ombros

-  Que já tiveram câncer da pele

-  Que ficaram expostas por um longo período ao sol sem proteção

-  Que possuem pinta que muda de cor

-  Que tem feridas que não cicatrizam

-  Os idosos

-  Os albinos

 

Centro de Especialidades Municipal de Pelotas    

 

  • Rua Voluntários da Pátria, 1428
  • Informações: (53) 3222.1426
  • Atendimentos: 600, das 9h às 15h 

Notícias Relacionadas

Comentários ()

Seções