Diário da Manhã

segunda, 20 de maio de 2019

Notícias

Brasil quer sair do zero em Floripa

14 maio
08:22 2019

Sozinho aqui não sou ninguém / Diz, meu bem, meu bem, me diga / Onde está, meu bem, me ensina.” A música de bandinhas e bailões Vou pra Santa Catarina descreve o momento do Xavante na Série B. Mal no desempenho em casa, sozinho na lanterna, com nenhum ponto e nenhum gol marcado em três rodadas, o Brasil busca um novo rumo no estado vizinho. Talvez esteja em Jaraguá, Joinville ou Blumenau / Lá por Santa Catarina, o destino do Brasil é Florianópolis, às 21h30 desta terça-feira contra o Figueirense. O Alvinegro também não venceu na B, somando três empates.

Diante do Figueirense, Brasil quer primeiros gols e primeiros pontos na B Foto: Carlos Insaurriaga / GE Brasil

Diante do Figueirense, Brasil quer primeiros gols e primeiros pontos na B
Foto: Carlos Insaurriaga / GE Brasil

Rogério Zimmermann deve reformular o ataque. O setor passou em branco em três rodadas, a nova formação com Bruno Paulo como camisa 9 contra o CRB não funcionou. Ele pode iniciar como atacante de lado e Rafael Grampola está pronto para ser a referência na frente. Para acompanhar os jogadores de frente, RZ tem iniciado com Murilo Rangel por dentro, com Juba e Branquinho. O meia Diogo Oliveira pede passagem pela qualidade técnica, mas o desempenho físico para pensar os 90 minutos preocupa.

Se o Brasil tem apenas duas vitórias no ano, o Figueirense também está longe de empolgar o seu torcedor. Fora da final catarinense, eliminado na Copa do Brasil pelo Luverdense e com três empates na Série B, não está fácil a vida do técnico Hemerson Maria.

FIGUEIRENSE: Denis; Pereira, Alemão, Ruan Renato, Brunetti; Zé Antônio, Tony, Fellipe Mateus; Matheusinho, João Diogo, Rafael Marques. Técnico: Hemerson Maria.

BRASIL: Carlos Eduardo; Ednei, Camilo, Bruno Aguiar e Sousa; Leandro Leite, Carlos Jatobá, Murilo Rangel, Juba, Bruno Paulo e Rafael Grampola. Técnico: Rogério Zimmermann.

  • Horário– 21h30
  • ÁRBITRO: Vinicius Furlan (SP), auxiliado por Daniel Luis Marques (SP) e Gustavo Rodrigues de Oliveira (SP).
  • Partida válida pela 4ª rodada da Série B no Orlando Scarpelli | Florianópolis.

Falta no profissional, sobra no Sub-20: O Brasil não marcou gols na Série B em três rodadas, porém, a categoria Sub-20 foi às redes com sobra no estádio Nicolau Fico diante do Nacional pelo Campeonato Gaúcho. Com onze gols no segundo tempo, o placar ficou em 13 a 0 na segunda-feira. Os tentos foram marcados por Alisson, Fabrício (2), Cristian (3), Kleyber, Otávio (2), João Henrique, Jacone, Noé e Luis Felipe. Para se ter a ideia, o elenco profissional fez 13 gols no ano todo até aqui. A respeito do Sub-20, o Xavante subiu para a

vice-liderança na categoria, atrás do Novo Hamburgo no saldo de gols. Durante a campanha, uma vitória sobre o Internacional, também no Nicolau Fico, chamou a atenção.

Notícias Relacionadas

Comentários ()

Seções