Diário da Manhã

sábado, 19 de setembro de 2020

Notícias

Como conectar-se on-line durante a quarentena

Como conectar-se on-line durante a quarentena
06 agosto
10:28 2020

Estamos vivenciando atualmente uma situação histórica única. A pandemia global do Coronavirus conseguiu mudar as rotinas, os modos de vida e o pensamento de inúmeras pessoas em todo o mundo

Fronteiras, parques, empresas, escolas foram fechadas… Mesmo em muitos países, os cidadãos são forçados a ficar em casa e não sair, exceto pelo essencial. Muitas empresas optaram pelo teletrabalho ou pelo trabalho remoto. Outros foram forçados a cortar o quadro de trabalhadores porque não podem se dar ao luxo de fazê-lo sem uma renda.

Mas, independentemente da situação econômica, como isso afeta? Espera-se que o uso da Internet e das redes sociais aumente. Isto é lógico, pois todos gostam de manter contato com seus entes queridos. O mesmo vale para aplicativos de namoro e portais de acompanhantes em Porto Alegre.

O contato físico pode não ser a melhor opção no momento, mas isso não impede que as pessoas se conheçam e desfrutem de uma boa companhia. Por exemplo, Pornhub deu contas premium para acessar todo seu conteúdo a partir do conforto de dentro de casa. Até criou uma categoria exclusiva “Coronavírus”. Outros como Grindr ou Tinder encorajam as pessoas a ficarem em casa e cuidarem de si mesmas com anúncios e notificações personalizadas.

Curiosamente, tudo isso aumentou a criatividade de muitos para paquerar e brincar com os outros. Exemplos claros são frases como “Qualquer pessoa quer um filme” junto com uma fotografia de um pacote de papel higiênico, “Em sua quarentena ou na minha” ou “Diremos que nos encontramos durante o confinamento”. Mesmo grandes frases e slogans como “Go protected” da Durex assumem agora um novo significado.

E isto é, o que poderia ser melhor do que levar a situação com um pouco de humor? Especialmente para quebrar o gelo com alguém que uma pessoa acabou de conhecer. Porque, OK, talvez as pessoas não queiram ter contato físico e talvez até queiram manter uma distância segura. Mas antes do vírus havia também outros perigos, tais como doenças sexualmente transmissíveis (DSTs), gravidezes indesejadas e até mesmo a transmissão de outras bactérias além do Coronavírus.

Por todas estas razões, a popularidade deste tipo de aplicativos e websites continua a ser alta. É uma forma de sentir-se conectado e distante, mesmo que seja por algum tempo, de toda esta situação. Porque, além daqueles que o tomam com humor, para muitos outros é uma válvula de escape. Usuários entram nesses sites para escapar e deixar de ouvir o dia todo as notícias sobre a pandemia e como ela está afetando todos os países. São indivíduos que preferem falar sobre outras coisas e ser capazes de descansar e desligar as mentes e se divertir.

Há também aqueles que são cautelosos, que avisam se viajaram ou estão infectados para todos aqueles que, ao ver o perfil, possam decidir se querem conversar e continuar com as fases de conhecer o outro.

Ademais, acreditando ou não, toda esse tempo em casa oferece muitas oportunidades. Agora existe tempo para o que sempre foi deixado para depois. Falar mais, conhecer melhor uns aos outros e dar um novo valor às coisas. Por exemplo, abraços, beijos, encontros com garotas de programa de Rio de Janeiro e até mesmo algo tão básico como sair para um passeio.

Mas há muitas alternativas que podem ser usadas durante este período de quarentena e permanecer protegidas contra infecções. Um bom caso em questão seria sexting. Enviando mensagens uns aos outros, mais ou menos explícitos, para dar uma esquentada e dar livre acesso à paixão, mesmo que seja imaginária.

Até mesmo o setor adulto se adaptou a estes tempos, como as trabalhadoras do sexo e as acompanhantes em São Paulo. Isto porque, como em outros empregos, estas profissionais vivem de encontros físicos. Então, como é possível fazer isso agora? Simples, alguns cancelam diretamente todos os compromissos que tinham até que tudo passe. Outros, porém, se reinventam. Começam a vender conteúdo erótico para vender on-line. Estes são os populares pacotes de fotos e vídeos personalizados. Outro grande recurso agora é o uso das webcams que permite interagir enquanto do outro lado alguém, ao vivo, está esperando do melhor jeito. O prazer e os orgasmos parecem não ter limites!

Há também todos aqueles casais que não têm a sorte de viver juntos na mesma casa e toda esta situação os força a não se verem por muito tempo. É um desafio para o qual é preciso recorrer à criatividade, paciência e novas tecnologias para manter a chama viva. Da mesma forma, há amantes e todos aqueles amigos especiais.

Mesmo aqueles que, apesar de estarem em um relacionamento, estão à procura deste tipo de encontro têm alternativas. Embora, agora, talvez, seja um pouco mais difícil. Além disso, desta forma, cada um tem consciência sobre o que vai fazer primeiro assim que o isolamento social terminar.

Neste momento, todos estão em uma situação única que é muito diferente daquilo a que estamos acostumados. Sair e o contato físico parece ter se tornado um privilégio digno de muito poucos. Uma liberdade que falta hoje em dia. Portanto, é um bom momento para ser consciente, paciente e criativo. Porque juntos é possível lidar com o vírus e tudo ficará bem. Apesar da incerteza, chegará o dia em que  tudo o que agora está pendente poderá ser resolvido.

Fdo.: Deborah Salas

Notícias Relacionadas

Comentários ()

Seções