Diário da Manhã

domingo, 31 de maio de 2020

Notícias

CULTURA : Comunidade artística reivindica a liberação de verba do Procultura

CULTURA : Comunidade artística reivindica a  liberação de verba do Procultura
11 maio
09:07 2020

Trabalhadores da cultura estão sem renda e criaram Fórum Permanente

Por Carlos Cogoy

Na cidade considerada polo cultural, a comunidade artística é um dos segmentos mais atingidos durante a pandemia. Com o distanciamento social, interromperam-se cursos, oficinas, shows e apresentações. Com isso, os trabalhadores da cultura estão com dificuldades de recursos, para enfrentar o período da quarentena. Como alternativa, mobilização junto à administração municipal, para a liberação de verbas. Assim, há um mês, coletivo de artistas desencadeou a campanha LIBERA FUNPATRI E PROCULTURA. Conforme explica Ana Claudia Godois – uma das fundadoras e gestoras da Casal Cultural Las Vulvas -, a reivindicação à Prefeitura, solicita os recursos do Fundo Municipal de Preservação do Patrimônio Histórico e Cultural (FUNPATRI), e do Programa Municipal de Incentivo à Cultura (PROCULTURA).

Fórum Permanente de Cultura 5MOBILIZAÇÃO – Em abril, a campanha teve etapas como a carta coletiva, remetida à Secretaria Municipal de Cultura (Secult), que solicitava a liberação emergencial da verba do Procultura. O documento também foi enviado ao Conselho Municipal de Cultura (Concult), que aprovou resolução de endosso. Além disso, foi criada petição online, e vaquinha coletiva: abacashi.com/p/satolepmovidaarte. Com a vaquinha, a ideia é a venda antecipada de inscrições e ingressos, para eventos pós-pandemia. No Facebook, houve resposta da Secult, informando que editais teriam sido enviados para apreciação no Conselho de Cultura. Neste começo de maio, ainda não havia definição sobre os editais. A mobilização então, transformou-se num Fórum Popular Permanente de Cultura de Pelotas.

FÓRUM está em diálogo com o secretário Giorgio Ronna (Secult), conselheiros de cultura, e os vereadores Marcus Cunha (PDT) – apoio no encaminhamento da liberação do Funpatri -, e Fabrício Tavares (PSD) – interlocutor junto à Prefeitura. O grupo está empenhado na criação e divulgação de conteúdo, bem como tem pesquisado editais e ações fora da cidade. Assim, também auxilia na elaboração de projetos. Como exemplo de política pública emergencial, a Secretaria do Estado da Cultura do Maranhão que contemplou trezentos artistas através do edital Conexão Cultural. No Facebook: Fórum Popular Permanente de Cultura de Pelotas. No Instagram: @forumppcultpelotas

Fórum Permanente de Cultura 3RECURSOS PARA TODOS - “Nosso pedido é que a verba do Procultura, seja repassada no valor de até R$5 mil, contemplando entre 150 e duzentos artistas e agentes culturais, não só aos que fazem parte do movimento, mas a todos os interessados. Caso o

Procultura de 2018 fosse liberado, e também o de 2020, mais de quatrocentos artistas poderiam ser contemplados”, salienta Ana Cláudia. E-mail: [email protected]

Notícias Relacionadas

Comentários ()

Seções