Diário da Manhã

quinta, 27 de fevereiro de 2020

Notícias

Divulgação de blitz é investigada

13 setembro
19:20 2013

Blitz01Um levantamento realizado durante um mês pelo Setor de Inteligência da Brigada Militar foi entregue ontem ao Ministério Público, que investigará se há alguma irregularidade na atitude dos internautas na divulgação antecipada de blitz em redes sociais.

No relatório constam informações sobre as postagens de um grupo que, segundo o capitão Rodrigo Bastos Alves, chefe de operações do 4º Batalhão de Polícia Militar, está obstruindo o trabalho policial. As mensagens do grupo aberto Blitz Pelotas Avisa, informa os locais onde estão ocorrendo as blitz, bem com as ruas que estão livres da fiscalização policial. Segundo consta no levantamento, na tarde de ontem 9.295 membros recebiam as notificações avisando onde os policiais realizavam a fiscalização.

Explica o capitão Bastos que, há três meses, durante uma barreira os policiais receberam a denúncia de que os usuários das redes sociais já tinham conhecimento da mesma. O problema seguiu, pois cada vez que a Brigada saía às ruas, o local da fiscalização já era de conhecimento dos internautas.

Teve início então o trabalho do Setor de Inteligência que passou a analisar o perfil do grupo e as postagens dos membros. Quando alguém avisava sobre a fiscalização, os policiais militares eram comunicados e trocavam de lugar.  A situação chegou a tal ponto “que nosso trabalho estava sendo todo monitorado”, diz o capitão. E complementa que a investigação policial constatou que realmente os internautas sabiam do lugar das barreiras e as divulgavam com detalhes, pontos de referência, número de viaturas e de efetivo e até fotos dos locais. Essa atitude estava anulando o trabalho de fiscalização policial, sendo estes obrigados a trocar toda hora de lugar para não serem descobertos.

O capitão salienta que no relatório entregue ao MP constam não só as postagens feitas pelos membros do grupo, como também os perfis e dados que vão permitir uma ampla investigação.

Notícias Relacionadas

Comentários ()

Seções