Diário da Manhã

domingo, 15 de dezembro de 2019

Notícias

 Mais recentes

Executivo municipal divulga datas de pagamentos dos salários de outubro

Executivo municipal divulga datas de pagamentos dos salários de outubro
29 outubro
13:27 2019

Prefeitura garante que 86,3% do funcionalismo receberá dentro do mês de novembro. Confira o cronograma:

O Município de Pelotas depositará no dia 7 de novembro (5º dia útil) o salário de 6259 servidores, totalizando 75,4% do total do funcionalismo. Serão pagos, referente à folha de outubro, professores e auxiliares de Educação Infantil, que têm os recursos assegurados pelo Fundo Nacional da Educação Básico (Fundeb). Receberão neste dia, também, funcionários que ganham até R$ 1,5 mil líquidos.

Até o dia 21 de novembro, a Secretaria Municipal da Fazenda (SMF) vai remunerar quem recebe até R$ 2,5 mil líquidos, o que representa mais 899 servidores, perfazendo 86,3% do funcionalismo.

A SMF dá o prazo até o dia 10 de dezembro para o pagamento do restante da folha. O depósito, no entanto, poderá ocorrer antes, caso haja a entrada de novos recursos. A Prefeitura pagará as consignações que o servidor tiver, repassando em dia os valores às consignatárias.

   Aposentados e pensionistas

O Instituto de Previdência dos Servidores Públicos Municipais de Pelotas (Prevpel) garantirá o pagamento de aposentados e pensionistas cujos vencimentos mensais não ultrapassem R$ 2,5 mil líquidos até o quinto dia útil: 7 de novembro. No total, 1519 pessoas terão os benefícios depositados normalmente, o que significa 63,9% dos inativos. Quem ganha acima desse valor, a SMF divulgará data de pagamento assim que tiver previsão financeira.

   Empréstimo pelo Banrisul

O Banrisul voltará a disponibilizar o empréstimo do salário do total de ativos, inativos e pensionistas com taxa negociada pelo Município de 0,98% ao mês, mais o IOF. Para garantir a operação de crédito, o funcionário não pode estar inadimplente com o banco. Também não deve possuir portabilidade com outra instituição financeira. Quem estiver recebendo por outra instituição, precisa suspender a portabilidade e abrir uma conta-corrente, que terá isenção tarifária, numa agência do Banrisul.

O banco vai oferecer a liberação dos valores pelo aplicativo ou na agência. O servidor poderá não retirar todo o montante salarial, se preferir. Mas a operação de crédito só poderá ser feita uma única vez por mês. Essa antecipação, via Banrisul, estará disponível no dia 7 de novembro.

       Decisão judicial

No dia 21 de outubro passado, a Prefeitura atendeu à decisão do juiz da 6ª Vara Cível da Fazenda Pública, Luis Antônio Saud Teles, que determinou o bloqueio na conta do Fundo Previdenciário do valor faltante para realizar o pagamento da totalidade dos contracheques. Esse montante bloqueado não poderia ter sido usado pela SMF para pagar salários antes do veredito judicial, sob risco de penalidades aos gestores.

O Fundo é oriundo da Lei 5.764, de 23 de dezembro de 2010, que instituiu a segregação de massas no sistema de previdência social de titulares de cargo efetivo do Município. O dispositivo garante os recursos para a aposentadoria de servidores cuja posse deu-se a partir de 1º de janeiro de 2009.

Notícias Relacionadas

Comentários ()

Seções