Diário da Manhã

domingo, 19 de maio de 2019

Notícias

 Mais recentes

FILME DE TERROR : Brasil desaba no segundo tempo e leva derrota humilhante do São Luiz

13 março
09:10 2019

O Brasil esperava afastar definitivamente nesta terça-feira o risco de rebaixamento no Campeonato Gaúcho. A atuação desastrosa no segundo tempo causou um dos maiores fiascos observado nos últimos anos no Bento Freitas.

Diogo Oliveira jogou bem no primeiro tempo, mas desapareceu com o time na etapa final Foto: Carlos Insaurriaga/Brasil/Divulgação

Diogo Oliveira jogou bem no primeiro tempo, mas desapareceu com o time na etapa final
Foto: Carlos Insaurriaga/Brasil/Divulgação

O time desandou emocionalmente e acabou sendo humilhado pelo São Luiz, com a goleada de 4 a 1 e mais o “olé’. O resultado reacendeu a pressão no clube, justamente na semana do Bra-Pel. A diferença é de apenas um ponto (sete a seis) para o Avenida, que é o primeiro concorrente da zona de rebaixamento.

No intervalo da partida ninguém poderia imaginar que a noite terminaria de forma trágica para as pretensões do Brasil. O rendimento no primeiro tempo foi consistente e o time tinha ainda a vantagem no placar por 1 a 0 – gol de Bruno Paulo, aos 14 minutos, completando uma jogada bem construída pelo lado direito. O mesmo Bruno Paulo poderia ter marcado o segundo gol num chute de entrada da área e houve ainda uma cobrança de falta de Diogo Oliveira, que a bola passou junto ao travessão.

APAGÃO – No segundo tempo, o Brasil teve um “apagão” nos primeiros 10 minutos. Logo no recomeço da partida, Nirley errou na saída de jogo e, na sequência, foi envolvido por Marcão. O centroavante cruzou e Claiton chutou a gol. Pará tirou a bola com a mão. Marcão cobrou o pênalti e empatou o jogo. Em seguida, aos sete, João Marcus, de cabeça, colocou o São Luiz em vantagem. Aos 10, Leílson fez o terceiro.

O time de Ijuí levou apenas 21 minutos para marcar os quatro gols (Marcão fez o quarto). A arbitragem ainda anulou outro gol do centroavante. No segundo tempo, enquanto parte da torcida deixava o Bento Freitas, o São Luiz jogava em ritmo de treino, trocando passes com os jogadores do Brasil verdadeiramente na roda.

Imagem 29

Imagem 28

Notícias Relacionadas

Comentários ()

Seções