Diário da Manhã

quinta, 02 de julho de 2020

Notícias

Horóscopo do dia 14/02/2014

13 fevereiro
23:55 2014

AriesÁries (21 de mar ~ 20 de abr)

Você entra em descompasso com o grupo social e os amigos. O anseio por ser diferente tende a ser perturbador. Seja como você é.

 

TouroTouro (21 de abr ~ 20 de mai)

É preciso liberar energia física sem, no entanto, ferir a si mesmo e às pessoas. Desafios pressionam você a reagir do modo errado.

 

GemeosGêmeos (21 de mai ~ 20 de jun)

É bom descarregar energia vital e a tensão que tem acumulado. Questione ideias ou direções, pois nada é definitivo, hoje.

 

CancerCâncer (21 de jun ~ 21 de jul)

Para fazer o que julga correto no trabalho, precisará romper com limitações e convenções. Evite alimentar rancores.

 

LeaoLeão (22 de jul ~ 22 de ago)

Disposição rebelde e renovadora, e inconveniente. Você afirma seu modo de pensar mesmo que isso o afaste das pessoas.

 

VirgemVirgem (23 de ago ~ 22 de set)

Bom momento para buscar o entendimento com seus parceiros e sócios, em especial nas questões materiais. Alguma mudança no lar.

 

LibraLibra (23 de set ~ 22 de out)

A comunicação e atividades intelectuais estão bem estimuladas. Os impulsos  de humor precisam ser melhor conduzidos.

 

EscorpiãoEscorpião (23 de out ~ 21 de nov)

Um dia complicado para as questões que envolvem trabalho, conforto e subordinados. A rebeldia diante da família é problema.

 

SagitárioSagitário (22 de nov ~ 21 de dez)

Um dia de sentimentos contraditórios, talvez até mesmo contrários a seus princípios. O relacionamento afetivo está conturbado.

 

CapricornioCapricórnio (22 de dez ~ 20 de jan)

Os desejos contrafeitos colocam-no de má vontade na relação amorosa. Momento para procurar o equilíbrio entre as necessidades.

 

AquarioAquário (21 de jan ~ 19 de fev)

Fase com atritos e discussões. Talvez queira se destacar demais ou se mostrar superior a todos os demais. A humildade é o remédio.

 

PeixesPeixes (20 de fev ~ 20 de mar)

Atos impensados e situações incontroláveis trazem prejuízos materiais. Aceitar desafios sem sentido pode fazê-lo desperdiçar.

Notícias Relacionadas

Comentários ()

Seções