Diário da Manhã

quinta, 17 de outubro de 2019

Notícias

INTERNACIONAL : Odair é demitido às vésperas dos 2 anos de Inter

INTERNACIONAL  : Odair é demitido às vésperas dos 2 anos de Inter
11 outubro
10:23 2019

O técnico Odair Hellmann não comanda mais o Inter. O anúncio da demissão veio nesta quinta-feira e o clube colorado ainda não anunciou um substituto para o treinador. A sequência dos quatro jogos sem vencer no Campeonato Brasileiro, fazendo o time perder posições e estar agora empatado com o Grêmio na tabela, culminou na escolha da direção.

Os resultados ruins se acumulam desde a derrota na final da Copa do Brasil para o Athletico Paranaense. Na ocasião, era a chance da consagração do jovem profissional, vinculado à cidade de Pelotas quando fez parte do elenco do GE Brasil enquanto meio-campista. Odair esteve no acidente fatal com a delegação xavante em 2009. Na breve carreira de treinador, o catarinense comandou o Internacional desde o fim da Série B de 2017, quando o Colorado foi vice. Voltou a passar perto de títulos neste 2019, quando foi vice do Estadual e agora da Copa do Brasil. Apesar das proximidades de outra classificação para Copa Libertadores, o rendimento com o time foi considerado insatisfatório.

A verdade é que o Internacional tem lambido suas feridas. Após a perda do campeonato nacional de mata-mata, muitos torcedores pedem trocas na direção e na forma como é conduzido o futebol do clube, com críticas a Roberto Melo. O elenco, com dificuldades nas ascensões da base e com atletas passando do auge de suas carreiras, também está sendo posto em dúvida pelos colorados. Para o ano seguinte, é preciso evoluir em relação ao Internacional de 2019.

O técnico divulgou uma nota agradecendo ao Inter pelo tempo no comando da equipe. Veja:

“Encerro hoje meu ciclo no Sport Club Internacional, clube que me proporcionou a maior oportunidade da carreira. Após quase dois anos, saio pela porta da frente, a mesma que entrei em 2009 no início da minha trajetória nas divisões de base.

Nestes 23 meses de comando técnico profissional, empenhei-me dia após dia no processo de construção de uma equipe, introdução e afirmação de um modelo de jogo e na gestão de um grupo de verdadeiros guerreiros, homens leais e de caráter. Com um trabalho que sempre se pautou em conceitos de futebol e valores de vida, juntos fomos alcançando os resultados e os objetivos traçados: a volta à elite do Campeonato Brasileiro, a classificação direta para a Copa Libertadores, a retomada das decisões. Infelizmente, não veio a conquista que coroaria esse trabalho, mas certamente os títulos virão pois o clube é um clube campeão.

Agradeço à diretoria por, no momento mais difícil, ter confiado e oportunizado a mim a chance de comandar este gigante chamado Inter. Agradeço também ao grupo de jogadores, pelo comprometimento total com as ideias propostas. Acreditaram sempre, até o final. Aos companheiros de comissão, meu muito obrigado pelo suporte, dedicação e trabalho duro e qualificado. A todos demais profissionais do clube, das mais diversas áreas, minha sincera consideração. Por fim, aos torcedores colorados: estejam ao lado do Inter, como sempre estiveram. Vocês fazem a diferença! Obrigado, de coração e alma, por tudo o que fizeram.

Encerro este ciclo com a certeza do dever cumprido, a consciência tranquila e saindo pela mesma porta que entrei há dez anos, a porta da frente. Obrigado a todos!”

Notícias Relacionadas

Comentários ()

Seções