Diário da Manhã

segunda, 30 de março de 2020

Notícias

Mister Negrinho completa 4 anos

10 março
08:41 2020

Nesta terça-feira, o personagem Mister Negrinho – o docinho que virou gente -, criação do ator e compositor Eduardo Amaro, está completando quatro anos. Após período de incerteza, angústia, e até indefinição sobre a aceitação do personagem, a criação está consagrada. E Eduardo exemplifica com as conquistas: tema do Trabalho de Conclusão de Curso (TCC), autoria de Fernanda Lopes, no bacharelado em turismo da UFPel; na TV Com Pelotas, a convite de Vanderlei Leivas, o personagem ganhou programa na tevê; Prêmio Movimento 2020 da Prefeitura. Como projeto que está sendo organizado, Eduardo menciona a Social Doçaria. Ele acrescenta que é um projeto de vida, e brevemente acontecerá a divulgação. Contatos para apresentações, presença em eventos, podem ser feitos no fone 9.9159.2832 (WhatsApp). Recados com a mãe, Sirley Amaro no 9112.6936.

Eduardo Amaro interpreta

Eduardo Amaro interpreta

DESAFIO – Transitando pelo Mercado Público, e alguns dos pontos turísticos de Pelotas, Mister Negrinho tem interagido com visitantes de países como Indonésia, Austrália, Alemanha, Marrocos, Canadá, Japão, Noruega, EUA, Índia, África do Sul e Israel. O contato, diz ele, tem projetado o personagem no Estado, País e até no exterior. Mas, lembra ele, o começo não foi fácil. A ideia, explica Eduardo, surgiu como necessidade do protagonismo negro, contrapondo-se ao racismo. Outro objetivo era “fortalecer a cena turística da nossa cidade”. Ele acrescenta: “Para muitos, tratava-se de um aventureiro, querendo chamar a atenção. Mas, com o tempo, após lágrimas e angústia, fui entendendo como atuar e conquistar o carinho e respeito das pessoas”.

PRECONCEITO – Eduardo conta que começou, numa parceria com doçarias, que não estão mais em atividade. Após a fase da rejeição, o personagem consolidou-se. E o ator salienta que sua vida mudou bastante. “Me tornei uma pessoa cheia de doçura, alegria, criatividade, mais aguçada. Também despertou o interesse de falar outras línguas, embora ainda de forma bem artesanal. Com o personagem, lançamento do meu primeiro livro, vídeos e linha de produtos. E o que tem me fascinado, é conhecer pessoas de todas as partes do mundo. Mas penso que o Mister Negrinho deveria ser melhor aproveitado, com reconhecimento e apoio do poder público, já que é uma criativa divulgação da cidade. Porém, acredito que, o que mais me impede alcançar grande voo, é a cor da pele”.

(C0G0Y)

Comentários ()

Seções