Diário da Manhã

quinta, 13 de agosto de 2020

Notícias

NAS OITAVAS : O show é de Neymar

NAS OITAVAS : O show é de Neymar
24 junho
09:23 2014

O atacante marca dois gols e é de novo o principal destaque do Brasil – agora na vitória de 4 a 1 sobre Camarões

Que o craque do Brasil é Neymar todo mundo sabe. Que o time dependeria da genialidade do camisa 10 para sair de momentos intrincados também não é novidade para ninguém. Foi o que aconteceu no jogo desta segunda-feira, no Mané Garrincha, em Brasília, nos dois primeiros gols da Seleção Brasileira na goleada 4 a 1 diante de Camarões. Fred e Fernandinho marcaram os outros dois gols.

O Brasil fechou a primeira fase com a primeira colocação do Grupo A, somando sete pontos – ao lado do México, mas com vantagem no saldo de gols: cinco contra três. Nas oitavas de final, a Seleção Brasileira enfrenta o Chile, sábado, às 13h, no Mineirão, em Belo Horizonte. Já os mexicanos, que fizeram ontem 3 a 1 na Croácia, em Fortaleza, terão a Holanda pela frente. O jogo será domingo na Arena Castelão.

Neymar faz os dois primeiros gols do Brasil e brilha com jogadas de efeito diante de Camarões Foto: Jefferson Bernardes/Vipcomm

Neymar faz os dois primeiros gols do Brasil e brilha com jogadas de efeito diante de Camarões
Foto: Jefferson Bernardes/Vipcomm

Desde 1978, o Brasil não dependia do último resultado da fase de grupos para garantir vaga nas oitavas de final. Essa necessidade deixou o time tenso no primeiro tempo, quando chegou a ser atacado pelos já eliminados Camarões. Foi quando apareceu Neymar. Aos 16 minutos, Luiz Gustavo recuperou bola na intermediária, deu assistência para o craque brasileiro, que, de chapa, mandou a bola fora do alcance do goleiro.

A equipe camaronesa foi para cima e mandou uma bola no travessão. Em seguida, aos 26, Choupo-Moting driblou Daniel Alves e cruzou da esquerda para Matip completar para a rede. O empate restabelecia no nervosismo para os brasileiros – no campo e nas arquibancadas. Aos 34, Neymar – em jogada pessoal – desequilibrou novamente, fazendo 2 a 1.

No intervalo, Felipão colocou Fernandinho no lugar de Paulinho. A mudança corrigiu a falta de posse de bola no meio-campo. Logo aos 4 minutos, Fred desencantou na Copa. Marcou seu primeiro gol, aproveitando cruzamento de David Luiz. O quarto foi de Fernandinho, aos 29.

Neymar assume artilharia isolada da Copa

Com os dois gols marcados diante de Camarões, Neymar assumiu a artilharia da Copa do Mundo do Brasil. Ele deixou para traz Thomas Müller, da Alemanha; Benzema, da França; Valência, do Equador; Van Persie e Robben, da Holanda, que estão com três. Além disso, o atacante se tornou o sexto jogador com mais gols marcados na história da Seleção Brasileira.

A importância de Neymar para a equipe de Luiz Felipe Scolari se mostra no número de gols marcados nesta primeira fase do Mundial. Dos sete feitos pelo Brasil, o camisa 10 é autor de quatro (dois contra a Croácia e mais dois ontem) – isso representa 57% dos gols brasileiros no torneio. Os outros três foram de Oscar, Fred e Fernandinho. Neymar só passou em branco contra o México em função das defesas espetaculares do goleiro Uchoa.

Com apenas 22 anos, Neymar já é o sexto maior artilheiro da Seleção Brasileira, somando 35 gols nos quatro anos em que veste a camisa da equipe principal do país. Ele está atrás apenas de craques consagrados como Pelé (77), Ronaldo (62), Romário (55), Zico (48) e Bebeto (39). Neymar entra para história também por ter marcado ontem o 100º gol do Brasil em Copa do Mundo e fez o 100º desta edição do torneio.

BRASIL (4)

Júlio César

Daniel Alves

Thiago Silva

David Luiz

Marcelo

Luiz Gustavo

Paulinho (Fernandinho)

Neymar (Willian)

Hulk (Ramires)

Oscar

Fred

T. Luiz Felipe Scolari

 

CAMARÕES (1)

Itandje

Nyom

N’Koulou

Matip

Bedimo

M’Bia

N’Guémo

Enoh

Moukandjo (Salli)

Moting (Makoun)

Aboubakar (Webó)

T: Volker Finke

Árbitro: Jonas Eriksson; assistentes: Mathias Klasenius e Daniel Warnmark – trio sueco. Local: Mané Garrincha, em Brasília

Sobre o autor

Rafael Freitag

Rafael Freitag

Notícias Relacionadas

Comentários ()

Seções