Diário da Manhã

sexta, 18 de janeiro de 2019

Notícias

NAVEGANTES : Brinquedos e solidariedade na promoção “Algo a mais”

NAVEGANTES :  Brinquedos e solidariedade na promoção “Algo a mais”
28 dezembro
09:28 2018

Por Carlos Cogoy

Um dos rappers pioneiros na região da Várzea, Serginho MCs há mais de dois anos tem realizado ações solidárias. Imbuído de valores cristãos, conta que a primeira iniciativa foi um jogo de futebol, que teve caráter beneficente. Desde então, oito realizações com o objetivo de colaborar com moradores do Navegantes 2. Em datas comemorativas, como a Páscoa, Serginho solicita o apoio de familiares, amigos e comerciantes. Neste ano, ele novamente proporcionou a centenas de crianças, que recebessem brinquedos no Natal.

O rapper cristão Serginho MCs realizou campanha para presentear crianças

O rapper cristão Serginho MCs realizou campanha para presentear crianças

SOLIDARIEDADE – No domingo, ele percorreu entre a rua 15 do Navegantes 2, seguindo em direção ao campo do Osório e cercanias. No trajeto, que previamente é definido, ele vai distribuindo brinquedos. Serginho estaciona o carro, abre o porta-malas, e as famílias vão se aproximando. Na iminência de receber um presente, as crianças se animam, agitam-se e sorriem. Serginho diz que presenteou desde bebês, até crianças com onze anos de idade. Os pais agradecem, Serginho sai realizado, embarca no veículo e segue até outro ponto, onde a cena se repete.

DOAÇÕES – Para o “Algo a Mais” de Natal, Serginho solicita doações. Ele explica: “A grande maioria me apoia com valores monetários, outros enviam os brinquedos, tanto moradores do bairro, quanto de fora também. Além deles, ainda os amigos de muitos anos, e pessoas com as quais trabalhei, bem como alguns empresários. Então superamos com folga a promoção do ano passado, e foram doados mais de 350 brinquedos”.

GRATIDÃO – Serginho menciona sobre a realização pessoal: “A sensação, pra ser sincero, não tenho como descrever. É imensa a minha felicidade, e daqueles que estão sempre comigo nas atividades. Assim, também a alegria da criançada e a satisfação do pai e mãe. Então, obrigado Senhor, eu não sou nada, mas tenho procurado fazer um algo a mais. À minha família e apoiadores, tenho dito que juntos somos mais fortes”.

Notícias Relacionadas

Comentários ()

Seções