Diário da Manhã

segunda, 10 de dezembro de 2018

Notícias

Ouça o comentário de 12/12/2013

Ouça o comentário de 12/12/2013
12 dezembro
14:50 2013

Um novo impasse entre os trabalhadores no transporte coletivo e as empresas de ônibus, sobre o reajuste salarial resultou na aprovação de um indicativo de greve dos Rodoviários.

Uma greve no transporte coletivo, nesta época do ano, seria extremamente prejudicial à economia do município. A prefeitura já havia informado que não atrelaria o reajuste na tarifa à discussão entre patrões e empregados pelo reajuste de salários. Uma coisa é uma coisa, outra coisa é outra coisa.

Ledo engano. No meio do impasse,  eis que o Prefeito Eduardo Leite altera as tarifas do transporte coletivo. A tarifa passará para R$ 2,75 – um valor exagerado.

Ao mesmo tempo, o prefeito anuncia que a tarifa estudantil foi reduzida em R$ 0,20 (vai custar R$ 1,10).

Mais um aumento que pesará no bolso de todo mundo.

Comentários ()

Seções