Diário da Manhã

terça, 25 de junho de 2019

Notícias

PACTO PELA PAZ : Começam as aulas da terceira turma do Projeto Start

PACTO PELA PAZ  : Começam as aulas da terceira turma do Projeto Start
08 abril
08:38 2019

Nos próximos dois meses, escolas Francisco Caruccio, Joaquim Duval e Assis Brasil sediam projeto do Pacto Pelotas pela Paz de capacitação ao mercado de trabalho

O mês de abril começou com novas experiências para um grupo de jovens pelotenses. As aulas do Projeto Start, do Pacto Pelotas pela Paz, tiveram início nesta semana e têm por objetivo capacitar pessoas de 14 a 24 anos para o mercado de trabalho e primeiro emprego, de forma totalmente gratuita. A iniciativa da Prefeitura já está em sua terceira edição.

Na última quarta-feira, ocorreu o primeiro encontro no Instituto Estadual de Educação Assis Brasil, um dos três núcleos do projeto – os outros são a Escola Municipal de Ensino Fundamental Francisco Caruccio, no Pestano, e a Escola Estadual de Ensino Médio Doutor Joaquim Duval, na Santa Terezinha. Todavia, o educandário do Centro apresenta uma particularidade: as histórias dos jovens vêm de todos os cantos de Pelotas.

A primeira aula é a “quebra gelo”, em que os alunos são convidados a se apresentar em público, falar suas qualidades, defeitos e perspectivas para o futuro. Navegantes, Areal, Três Vendas, Centro, Getúlio Vargas e Simões Lopes são as origens de alguns dos sonhos, que vão além de uma oportunidade de emprego, almejando graduações no ensino superior e carreiras de renome.

PRIMEIRO encontro foi realizado no Instituto Assis Brasil

PRIMEIRO encontro foi realizado no Instituto Assis Brasil

DESAFIAR-SE

Se fosse definido em uma palavra, o Projeto Start seria desafio. Na primeira aula, os jovens são desafiados a sair das zonas de conforto, ir à frente e dizerem quem são. A coragem e a proatividade, assim como pontualidade e frequência, são pontos importantes na avaliação constante, realizada desde o primeiro minuto até o último encontro. “Vocês são os únicos representantes de seus sonhos. Precisam mostrar para que vieram”, esclarece logo de início o coordenador do Start, Pablo Salomão. O incentivo é para que abracem todas as experiências, sem medo de errar ou tentar, e expressem suas vontades.

Maria Eduarda, 14 anos, foi a primeira a desafiar-se no Assis Brasil. Nos segundos de coragem, avaliou a bondade e a persistência como suas melhores qualidades, e a preguiça como um ponto a ser melhorado. Ela ainda não sabe o que quer fazer quando se formar, ao contrário de Paula, 15 anos, que já tem um plano definido: “quero cursar medicina veterinária e cuidar de equinos”, contou em sua apresentação.

Outras profissões almejadas são nas áreas de odontologia, direito e gastronomia. E para viabilizar esses e outros sonhos, o primeiro passo é a confecção da Carteira de Trabalho, processo encaminhado dentro do Start. No caso de Julian, 15 anos, o suporte já veio nesta quarta, quando foi orientada a fazer a Carteira de Identidade – documento que ainda não possui – o quanto antes para poder concorrer as vagas de Jovem Aprendiz e Estágio.

Projeto Start

O Projeto Start é uma das frentes de atuação do Banco de Oportunidades. Surgiu de uma necessidade apresentada pelas instituições parceiras do Pacto Pelotas pela Paz: a capacitação de jovens para que cheguem mais preparados ao primeiro emprego. Divididas em seis módulos, as aulas abordam empreendedorismo, liderança, comunicação, produção de currículos e preparação para entrevistas.

A primeira turma, composta por 55 jovens dos núcleos Sítio Floresta, Areal e Colônia Z3, se formou em setembro; a segunda, com 70 alunos dos núcleos Getúlio Vargas, Navegantes e Laranjal, em dezembro. As aulas têm duração de dois meses e contam com professores do Centro de Integração Empresa-Escola (CIEE) e secretarias municipais de Assistência Social, de Cultura e de Educação e Desporto.

Nesta terceira edição, o sistema escolhido para a participação foi por meio da inscrição dos interessados, e não a indicação de dentro dos educandários sede. Após essa primeira semana de aulas, algumas vagas ficaram em aberto pela desistência dos jovens selecionados. Portanto, quem quiser participar do Start, ainda pode procurar as secretarias das escolas Francisco Caruccio, Joaquim Duval e Assis Brasil.

Notícias Relacionadas

Comentários ()

Seções