Diário da Manhã

segunda, 26 de outubro de 2020

Notícias

Pelotas empata com São Luiz em jogo equilibrado em Ijuí

13 outubro
13:48 2020

Sábado em que o sol brilhou, mas ninguém conseguiu brilhar colocando a bola na rede no estádio 19 de Outubro, no noroeste gaúcho

Por: Henrique König

O Pelotas de Ricardo Colbachini viajou para o noroeste do Rio Grande do Sul para enfrentar o São Luiz, em Ijuí. No sábado (10), placar de 0×0 que fez os dois times avançarem só mais uma casa no tabuleiro do Grupo 8 da Série D. Aguardando os demais jogos, o São Luiz fechou o sábado em 3º com 8 pontos e o Pelotas em 4º, com 7.

SLUNo sábado, Joinville e Caxias ficaram no placar de 1×1, na Arena Joinville. O resultado mantém os grenás da serra gaúcha na liderança, com 10 pontos.

O JOGO – equilíbrio do início ao fim

Aos 18’, cruzamento da esquerda na área do Pelotas, Renan espalmou no toque de cabeça e, no rebote, a finalização foi mandada no travessão. Era pressão intensa do São Luiz de Ijuí no lance, mas acabaram desperdiçando também o escanteio da sequência. O São Luiz levava a vantagem no jogo aéreo, porém não conseguia abrir o placar. Aos 25’, Juba teve uma grande oportunidade, livre, mas preferiu procurar um companheiro na cabeçada, ao invés de tentar finalizar o lance.

O Pelotas por duas vezes tentou acionar os homens de frente, pelos lados. Em uma, Marcão cruzou rente à linha de fundo, mas foi marcada a saída da bola em tiro de meta. Na outra, Santana lançou para Juliano, que falhou no domínio perto da área. Aos 35’, Juliano tentou cruzar uma bola procurando por Marcão, ela passou pelo centroavante e obrigou o goleiro Roballo a conferir espalmando, cedendo escanteio. Aos 37’, lance parecido: falta cobrada da esquerda e Roballo, de novo, espalmou para salvar o São Luiz.

O primeiro tempo foi fraco tecnicamente, mas o Pelotas começou o segundo com uma grande oportunidade. Bruninho e Daniel Costa haviam entrado. Aos 6’, a bola foi circulada pelo meio campo, chegou para Marcelo cruzar e, lá dentro, Itaqui, sozinho, testou por cima do travessão.

O Pelotas tinha até o controle da bola, mas pouco ousava para definir os lances. Marcelo cruzou uma bola fechada e Roballo bateu roupa, cedendo escanteio. Pelo São Luiz, um chute de longe de Paulinho e Renan espalmou aos 22’.

O Lobo seguia um pouco melhor e, aos 29’, na bola parada, Itaqui disparou pela linha de fundo na cobrança de falta. O São Luiz quis aproveitar o mando de campo e envolveu mais o Pelotas nessa fase crepuscular da partida. Mas, aos 42’, o volante Ramires, do Lobo, recebeu, abriu espaço, de frente para o crime, finalizou de fora da área e mandou por cima, levando perigo.

E, para confirmar o equilíbrio do jogo, em um sábado ensolarado de pouca inspiração dos ataques, o São Luiz rodou a bola aos 48’, até o cruzamento da esquerda encontrar testaço de Eduardo e o goleiro Renan caiu firme com a bola, salvando o Pelotas. Placar final igual a como iniciaram: 0×0.

FICHA TÉCNICA: SÃO LUIZ 0×0 PELOTAS

SÃO LUIZ: Roballo; Itaqui (Geovane), Silvio, Jadson e Gabriel; Rafael Jataí (Tássio), Paulinho, Germano, Gustavo Índio (Eduardo), Juba e Jhonatan. Técnico: Antônio Picoli.

PELOTAS: Renan; Marcelo, Fabio Alemão (Felipe Chaves), Mateus Santana e Gabiga; Moisés, Ramires Itaqui, Juliano e Vini Garcia (Daniel Costa); Marcão (Bruninho). Técnico: Ricardo Colbachini.

  • ÁRBITRO: Anderson Farias.
  • Partida válida pela 5ª rodada do Grupo 8 da Série D, disputada no estádio 19 de Outubro, em Ijuí.

Notícias Relacionadas

Comentários ()

Seções

Seo wordpress plugin by www.seowizard.org.