Diário da Manhã

quarta, 20 de novembro de 2019

Notícias

Privacidade é cada vez mais importante no uso da internet

Privacidade é cada vez mais importante no uso da internet
11 outubro
08:57 2019

A tecnologia nunca esteve tão presente em nossas vidas como hoje e, com o crescente avanço das tecnologias da informação, esse cenário deve ganhar ainda mais força nos próximos anos. Os computadores e celulares são parte tão integrante da nossa rotina que a afirmação de que metade do planeta ainda não possui acesso à internet parece absurda, ainda que seja a mais completa realidade. Esse é, na verdade, um claro indicativo de uma sociedade extremamente desigual.

Mas para quem já tem a tecnologia e a internet integradas à sua rotina, é comum o surgimento de preocupações voltadas à proteção dos seus dados e da sua privacidade. O excesso de tempo que passamos conectados, afinal, gera o contexto perfeito para a proliferação de crimes cibernéticos, como a coleta de dados não autorizada.

Logo, mais que nunca, é necessário redobrar nossos esforços para que projetamos nossos dados de pessoas maliciosas e sejamos capazes de preservar nossa privacidade. Utilizamos a internet para realizar pagamentos, transações bancárias, realizar investimentos com moedas digitais e até mesmo apostas em cassinos com Bitcoin, o que torna essencial medidas de proteção que previnam ataques de terceiros.

Felizmente, uma série de mecanismos já foram desenvolvidos com essa finalidade, a exemplo das VPNs, um componente adicional de segurança que permite uma navegação mais segura, protegida da invasão de olhares curiosos e, o mais importante, dos cibercriminosos.

Existem, é claro, outras opções de seguranças disponíveis, mas decidimos, aqui, falar um pouco sobre a VPN e apresentar algumas das razões pelas quais se torna essencial adotar medidas de segurança adicionais a fim de proteger seus dados.

O que é uma VPN?

Uma VPN, sigla em inglês para Rede Virtual Privada, é uma espécie de túnel seguro entre dois ou mais dispositivas. Ela é utilizada para proteger o tráfego web privado de invasões, interferências ou mesmo censura. Com a utilização desse recurso, é possível substituir seu IP real por um falso, que irá alterar a sua localização, além de impedir a verificação de quais sites foram acessados.

A VPN também pode ser utilizada por usuários que desejam ser mais cautelosos ao utilizar redes Wi-Fi públicas. Esse mecanismo impede que seus logins e senhas sejam interceptados, uma vez que os dados são completamente excluídos do sistema.

Por que utilizar uma medida de segurança adicional?

Utilize redes públicas sem medo. É bastante cômodo utilizar a rede Wi-Fi de uma lanchonete, um hotel ou até mesmo no transporte público. Existem, no entanto, riscos ao se fazer isso, tendo em vista que a rede em questão é pública e, portanto, mais suscetível à ataques. Com uma Rede Virtual Privada, esse medo será praticamente esquecido tendo em vista que ninguém poderá ver suas informações pessoais. Será como se você não estivesse conectado à rede.

Romper barreiras internacionais de censura. Caso você visite países em que a utilização da internet é limitada, como a Rússia e a China, será possível utilizar a VPN para acessar sites bloqueados nesses países. Para isso, basta que você mascare seu endereço de IP selecionando um servidor de qualquer país.

Maior proteção de dados. Diversas organizações governamentais e até mesmo empresas privadas, como a Google e o Facebook, possuem autoridade formal (ou não oficial) para acessar seus dados. Com isso, você passa a ser monitorado a cada acesso que realiza na internet. Conectando-se a uma VPN, você irá possuir uma camada extra de proteção, minimizando a possibilidade de sofrer ataques ou ter dados sigilosos vazados. Não existe 100% de garantia de proteção, é claro, tendo em vista que até mesmo a rede social mais utilizada no mundo já foi alvo de diversos ataques e vazamentos, mas já é uma medida de segurança extremamente eficiente.

Notícias Relacionadas

Comentários ()

Seções