Diário da Manhã

sexta, 15 de dezembro de 2017

Notícias

Projeto aproxima comunidade surda da arte do balé na UFPel

07 dezembro
08:24 2017

Um projeto de extensão promovido pela Universidade Federal de Pelotas (UFPel) tem oportunizado à comunidade surda a possibilidade de fazer aulas de balé.

 

Iniciado neste semestre, com a liderança da área de Libras do Centro de Letras e Comunicação (CLC) e a parceria da Escola Superior de Educação Física (ESEF), o projeto proporciona aos participantes aulas que trabalham a técnica do balé clássico junto com a dança contemporânea.

Conforme a coordenadora do projeto, professora Karina Pereira, as aulas são ministradas totalmente em Libras – o que oferece uma experiência completa de atividade física. De acordo com a docente, muitas vezes o surdo busca praticar um esporte, mas o instrutor ou professor não tem conhecimento de Língua de Sinais. “Não adianta só copiar; é preciso compreender o exercício”, observa.

O projeto conta com a participação de uma acadêmica voluntária do curso de Letras Tradução – Espanhol, Fernanda Peretta, e do mestrando em Educação Física Otávio Ávila Pereira, além da parceria com a Escola Alfredo Dub, que encaminha os estudantes participantes.

Atualmente, são cinco alunos, com idades entre 13 e 30 anos, que estão conhecendo os conteúdos básicos do balé e da dança contemporânea, em aulas práticas e teóricas. Para o futuro, a professora estima trazer conteúdos de balé de repertório e interpretação na dança – algo que a comunidade surda possui naturalmente em sua comunicação.

As aulas ocorrem às sextas-feiras, das 16h às 17h30min, na sala de dança da ESEF. “É extremamente importante a parceria entre as diferentes unidades da Instituição para promoção de atividades multidisciplinares e que contemplem minorias, como é o caso da comunidade surda. É dança e também promoção de saúde”, pontua.

INICIATIVA tem a parceria com a ESEF

INICIATIVA tem a parceria com a ESEF

EXPERIÊNCIA
Na noite do dia 30 de novembro, os alunos do projeto de extensão “A Comunidade Surda Reinventando a Arte do Balé” assistiram ao espetáculo de fim de ano da escola Pless Studio de Ballet, “Le Jardin e Concerto de Liszt”. Segundo uma das alunas do projeto, Francielle Cantarelli Martins, o espetáculo “estava maravilhoso”. Francielle atualmente está finalizando seu Doutorado em Linguística pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).

Acadêmicos interessados em participar como monitores podem entrar em contato através do e-mail karina.pereira@ufpel.edu.br.

Notícias Relacionadas

Comentários ()

Seções