Diário da Manhã

segunda, 18 de novembro de 2019

Notícias

Vigilância será rigorosa com a qualidade dos alimentos no Carnaval

27 fevereiro
17:31 2014
O comerciante que for notificado mais de uma vez terá sua participação vetada no próximo ano

O comerciante que for notificado mais de uma vez terá sua participação vetada no próximo ano

Depois do sorteio das bancas de vendas de alimentos para o Carnaval 2014, uma reunião da Vigilância Sanitária com os sorteados deu orientações básicas de higiene e entregou-as oficialmente para garantir a qualidade dos alimentos comercializados na Passarela e na Cidade do Samba.

Para evitar problemas verificados em anos anteriores, a Vigilância Sanitária, em parceria com a Secretaria de Gestão da Cidade e Mobilidade Urbana (SGMU), adotará uma postura mais rígida. O comerciante que for notificado mais de uma vez durante os quatro dias de folia terá sua participação vetada na licitação de 2015.

A coordenadora da Vigilância Sanitária, Maria Angélica Petrucci, diz que as orientações devem ser seguidas pelos estabelecimentos que comercializam e/ou manipulam alimentos para evitar possíveis riscos sanitários, que podem comprometer a saúde dos consumidores e o evento.

Confira as orientações

Cuidados pessoais do manipulador:

  • Uniforme, de preferência, de cor clara e limpo;
  • Proteção para os cabelos (que devem ficar TOTALMENTE cobertos);
  • Unhas curtas e sem esmalte.
  • Não é permitido o uso de brincos, mesmo que pequenos, e outros adornos.
  • Lavar frequentemente as mãos;

Cuidados com local de manipulação:

  • Usar lixeira com tampa acionada por pedal;
  • Recolher o lixo com frequência evitando assim atração de insetos e roedores;
  • Manter balcões sempre limpos (pano limpo e spray com álcool);
  • Controlar o óleo de fritura (tempo de uso).

Cuidados no atendimento:

  • Higienizar as mesas a cada uso com pano limpo e spray álcool;
  • Somente utilizar maionese, mostarda e catchup industrializados em sachês (é proibido o uso de frascos ou bisnagas – sob pena de apreensão), segundo Lei Estadual SES 13.760).

Notícias Relacionadas

Comentários ()

Seções