Diário da Manhã

quinta, 19 de setembro de 2019

Notícias

ZONA SUL : Prefeita trata de demandas com ministro Osmar Terra

ZONA SUL  : Prefeita trata de demandas com ministro Osmar Terra
22 agosto
08:23 2019

Cumprindo agenda de trabalho em Brasília, a prefeita Paula Mascarenhas reuniu-se com o ministro da Cidadania, Osmar Terra, para tratar sobre demandas da cidade e da zona sul.

Entre elas, a reivindicação pelo pagamento dos recursos atrasados do Sistema Único de Assistência Social (Suas) e o apoio ao Consórcio Público do Extremo Sul. De acordo com a prefeita, o ministro confirmou a intenção de colocar em dia as verbas atrasadas de 2019 até o final do ano e, até o fim de 2020, o pagamento referente a 2018.

Paula acompanhou prefeitos da Azonasul durante agenda em Brasília

Paula acompanhou prefeitos da Azonasul durante agenda em Brasília

Osmar Terra apresentou a proposta do governo federal de premiar, em dinheiro, os municípios que mantêm projetos de prevenção social – o que poderá vir a beneficiar a cidade, já que a Prefeitura tem, atualmente, cerca de 20 ações de prevenção à violência no âmbito do Pacto Pelotas pela Paz, que abarcam iniciativas para reduzir índices de gravidez precoce, fortalecer vínculos familiares, dar oportunidades de trabalho a jovens em vulnerabilidade e egressos do sistema prisional, entre outros.

Ainda no encontro, Terra mencionou estratégias para estimular projetos sociais e artísticos continuados nos municípios, em atividades no turno inverso ao da escola, através da parceria com instituições. O governo federal também está mapeando jovens beneficiados pelo programa Bolsa Família que não trabalham e nem estudam, para capacitá-los e oferecer-lhes microcrédito. O secretário municipal de Assistência Social, Luiz Eduardo Longaray, acompanhou a reunião.

HIDROVIA DO MERCOSUL

A importância estratégica da hidrovia do Mercosul foi assinalada pela prefeita ao ministro de Desenvolvimento Regional, Gustavo Canuto, também nesta terça. Presidente do Consórcio, Bebeto Perdomo, falou sobre a condição das estradas vicinais nos municípios da região e a necessidade de apoio para aquisição de máquinas para qualificá-las.

HABITAÇÃO

Paula ainda comentou com representantes da Secretaria de Habitação, ligada ao Ministério de Desenvolvimento Regional, sobre um projeto alternativo, idealizado pela Prefeitura, ao programa Minha Casa Minha Vida, que consiste em casas feitas nos territórios onde as pessoas já vivem, incluindo a realização de cursos de formação. “É uma nova visão sobre projetos habitacionais. O assessor se interessou bastante pela proposta e ficamos de agendar um retorno a Brasília para apresentá-la melhor”, declarou a prefeita.

CÂMARA DOS DEPUTADOS

Pela manhã, Paula esteve na Câmara dos Deputados com parlamentares da região para organizar a agenda de reuniões com os ministros. Na ocasião, a chefe do Executivo Municipal também acenou a preocupação com as reformas da Previdência e tributária. “O ISSQN [Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza] está ameaçado nos municípios. É um tributo bastante importante para as cidades de médio porte”, acrescentou.

Estiveram na Câmara os deputados federais Daniel Trzeciak (PSDB), Nereu Crispim (PSL), Marcelo Moraes (PTB) e Ronaldo Santini (PTB), além do deputado estadual Luiz Henrique Viana (PSDB), o presidente da Azonasul, Mauro Nolasco (PT), e prefeitos da zona sul.

EDUCAÇÃO

A prefeita esteve também em audiência com o ministro da Educação, Abraham Weintraub, e sua assessoria com quem conversou sobre diversos assuntos. Paula manifestou sua preocupação com as medidas de contingenciamento nas universidades federais e salientou o quanto essa medida prejudica a região. O ministro disse que muito possivelmente os cortes sejam retirados agora em setembro. A prefeita encaminhou a Weintraub pautas da Educação Básica: a preocupação com o Fundeb, previsto para terminar no final de 2020. Sobre isso ele disse também estar preocupado e pediu o apoio da prefeita para uma proposta de aumentar para 15% o valor do Fundeb; sobre as obras inacabadas de diversas escolas de educação infantil, o ministro orientou a prefeita a se dirigir ao FNDE para tratar de cada uma, especificamente – Paula aceitou a sugestão e planeja fazer isso nessa quarta-feira (21); a prefeita também pediu ampliação do Mais Educação, de salas de recursos, entre outros pleitos.

Notícias Relacionadas

Comentários ()

Seções