Diário da Manhã

quarta, 17 de julho de 2019

Notícias

Sem mudança de hábitos, diabetes pode tornar-se um problema de proporções gigantescas no mundo

Sem mudança de hábitos, diabetes pode tornar-se um problema de proporções gigantescas no mundo
05 julho
13:30 2019

O diabetes, doença crônica caracterizada pelo aumento dos níveis de glicose (açúcar) no sangue, tem preocupado médicos e pacientes de todas as idades e com os mais variados perfis

O tema foi abordado em mais uma edição do Ciclo de Palestras promovido pela Associação Médica do Rio Grande do Sul (AMRIGS), na noite de quarta-feira (26/06). A atividade, realizada no Centro de Eventos AMRIGS, foi alusiva ao Junho Vermelho, dedicado à prevenção do diabetes.

As estatísticas mostram que quase meio bilhão de pessoas tem diabetes no mundo. Esse número praticamente triplicou na última década.

- A projeção é que sejam 630 milhões no mundo em 2045, ou seja, um problema de proporções gigantescas se não forem mudados hábitos de vida e alimentares – alertou o médico endocrinologista pediátrico e coordenador do Instituto da Criança com Diabetes no Rio Grande do Sul, César Geremia.

O diabetes acontece porque o pâncreas não é capaz de produzir o hormônio insulina em quantidade suficiente para suprir as necessidades do organismo. O problema deixou de ser exclusivo de adultos, exigindo mudanças de hábitos desde muito cedo.

- Se devemos fazer alguma coisa em relação ao diabetes é mudar o estilo de vida. A prevenção primordial, considerada a mais importante de todas, inclui encorajar designs urbanos que promovam atividades físicas, taxar bebidas adoçadas com açúcar, obrigar estabelecimentos a informarem as calorias em produtos e menus, e promover incentivos para reduzir preços de alimentos saudáveis. É inadmissível que uma água seja mais cara ou tenha o mesmo preço do que um refrigerante – afirma o médico endocrinologista e presidente da Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia – Regional RS, Rafael Selbach.

O diabetes pode ser classificado como Tipo 1, Tipo 2, Gestacional e outros como Monogênico e Secundário (associado a outras doenças) ou induzido por medicamentos.

Comentários ()

Seções