Diário da Manhã

segunda, 21 de outubro de 2019

Notícias

Sexagenária é estuprada após chantagem

20 maio
08:28 2019

O casal esteve se relacionando mais de quatro anos. Em janeiro, no entanto, conforme a vítima de 64 anos, o romance acabou em decorrência do excessivo ciúme do parceiro. Como ele não aceita o fim do relacionamento, passou a chantagear a vítima. De acordo com a sexagenária que, no sábado, foi à delegacia para registrar estupro, o ex-companheiro soube através da filha da idosa, uma revelação que causaria impacto entre familiares. Conforme a vítima, sua filha de 38 anos contou ao homem que a idosa é filha adotiva. Ele então, ressentido com a separação, disse para a mulher que contaria aos parentes, revelando que ela não tem o vínculo sanguíneo.

CHANTAGEM – Com a ameaça, a senhora aceitou reencontro. A reaproximação foi para momentos íntimos, conforme exigia o ex-parceiro. Na semana passada, o casal seguiu até motel para mais um encontro. De acordo com a vítima, a relação foi consensual. No entanto, o ex-companheiro teve uma ideia ousada, que desagradou a idosa.

ABUSO – Conforme o boletim registrado sábado na Delegacia de Pronto Atendimento (DPPA), a vítima menciona que o acusado insistiu e fez sexo anal, contrariando sua vontade. Ela chorou e pediu que parasse, mas o homem não atendeu e consumou o coito. A mulher machucou-se, sentindo muita dor. Após, o agressor a levou em casa. Na delegacia, ela expressou que deseja representar criminalmente contra o acusado. A vítima também solicita medida protetiva de urgência.

CabeçalhoFACÇÃO – Jovem de 24 anos esteve na delegacia, para registrar que tem sido vítima de agressões e ameaças. Conforme a vítima, para cuidar da mãe, ele mudou-se do Loteamento Dunas para a rua Darcy Ribeiro no Areal. Desde a chegada, no entanto, sua presença não foi bem aceita por trio, que está identificado com facção criminosa. De acordo com o jovem, os agressores acreditam que ele integra grupo rival. A vítima já foi agredida pelo trio, que também exige dinheiro. No relato, ele acrescenta que eles andam armados, e também intimidam outros moradores. A vítima deseja representar criminalmente, para que o trio seja identificado e punido.

BALEADO – À noite de sexta, à rua Marechal Deodoro, jovem de dezenove anos foi alvejado no pescoço. Socorrido, ele foi conduzido ao Pronto Socorro. Sua irmã foi informada, esteve no Pronto Socorro, e comunicou a tentativa de homicídio à polícia. As investigações já começaram, para esclarecer as circunstâncias do crime, bem como os possíveis autores.

Motociclista morre no trânsito

No amanhecer de sábado, motociclistas colidiram na traseira de ônibus do transporte coletivo urbano. O fato ocorreu à avenida Fernando Osório, e um dos motociclistas deixou o local. Já o outro, ferido, foi conduzido ao Pronto Socorro. Devido à gravidade dos ferimentos, não resistiu e faleceu. A vítima é Felipe Bosel Oliveira de 26 anos.

Traficantes presos no Areal e Fragata

Durante patrulhamento à avenida São Francisco de Paula no bairro Areal, na sexta pela manhã, guarnição da Brigada Militar, avistou dupla em frente à casa que é conhecida como ponto de tráfico. Houve abordagem, mas um dos suspeitos não acatou a orientação dos policiais militares, e tentou a fuga. Tratava-se de I. F. P. V. de 23 anos. Com ele, os policiais encontraram oitenta gramas de maconha, e a quantia de R$210,00.

DESEMPREGO – Com o outro suspeito, também jovem, que estava completando 24 anos na sexta-feira, não foi encontrado entorpecente. No entanto, ele admitiu que trafica drogas, pois está desempregado. O argumento também foi usado por I. F. P. V., que disse estar procurando emprego. No entanto, como não encontra, está traficando. Os policiais também apreenderam uma balança, faca e touca “Ninja”.

FRAGATA – Às 20h30min de sexta, policiais militares efetuavam patrulhamento à avenida Cidade de Lisboa, e realizaram abordagem. O suspeito afirmou que estava chegando no local, para adquirir cocaína, quando o traficante de 24 anos, solicitou que cuidasse a casa por alguns instantes. Assim, aos policiais ele abriu o portão para que entrassem. Num guarda-roupa, policiais encontraram 31 petecas de cocaína numa bolsa. A droga estava fracionada, mas também havia uma pedra de cocaína. Enquanto estavam no local, chegaram mais dois clientes. Como um deles é militar do Exército, houve a comunicação ao 9º BIMtz.

FORAGIDO – Já em abordagem realizada à rua Adalberto Guerra Duval, foi constatado que J. S. F., constava como foragido. Ele foi preso e levado até a delegacia, para posteriormente seguir até o Presídio Regional de Pelotas.

Notícias Relacionadas

Comentários ()

Seções