Diário da Manhã

domingo, 15 de dezembro de 2019

Notícias

UPA Areal será gerida por nova empresa de saúde

UPA Areal será gerida por nova empresa de saúde
03 dezembro
10:19 2019

Contrato foi oficializado nesta segunda-feira (2). IB Saúde assume gestão e operação da unidade no dia 20 de dezembro

Após processo seletivo, a Prefeitura assinou, nesta segunda-feira (2), contrato com o novo responsável pela administração da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Areal, o Instituto Brasileiro de Saúde, Ensino, Pesquisa e Extensão para o Desenvolvimento Humano (IB Saúde). No dia 20 de dezembro, às 19h, a empresa assume a gestão e a operação da UPA, em parceria com a Prefeitura, por seis meses, conforme estipulado no contrato emergencial.

Enquanto o processo de troca de gestores ocorre, o serviço à comunidade será mantido, sem prejuízos à população. “A prioridade deve ser o atendimento à comunidade, respeitando os dois pilares da minha gestão, que são o capricho e o carinho com o cidadão. Quando o assunto é saúde, a população de Pelotas é exigente e precisamos garantir a manutenção da qualidade de serviço ofertado na UPA”, disse a prefeita Paula Mascarenhas, durante a assinatura do contrato.

Segundo o presidente do Conselho de Administração da IB Saúde, Cléo Machado, o cuidado com as pessoas é o lema da instituição. “Para nós, o importante é cuidar bem das pessoas. Esse é nosso lema e é o que faremos em Pelotas”, afirmou Machado, acrescentando que a intenção é manter os funcionários atuais da UPA. “Vamos lançar um edital para seleção de colaboradores, mas quem quiser ficar trabalhando com a gente, vai poder permanecer”. De acordo com o gestor, o edital vai ajudar a preencher as vagas daqueles que não quiserem atuar na UPA.

Contrato foi oficializado na segunda (02) e o IB Saúde assume a gestão e operação dia 20. Foto: Gustavo Vara

Contrato foi oficializado na segunda (02) e o IB Saúde assume a gestão e operação dia 20.
Foto: Gustavo Vara

Investimento

Atualmente, a Prefeitura é responsável por 60% da manutenção da Unidade, quando deveria ser encarregada de 25%, com o restante dos custos sob a incumbência dos governos estadual e federal. O novo contrato prevê investimento mensal de R$ 697,7 mil, ampliando o número de atendimentos contratados pela Administração Pública de 4,5 mil para seis mil.

A equipe também deve ser ampliada, passando a incluir mais um médico no período diurno, um assistente social e serviços de portaria. Também está prevista a instalação de um aparelho de raio-x na UPA, depois de reforma do espaço dedicado ao equipamento. Até o dia 20, o espaço será mantido pela Fundação Hospitalar Getúlio Vargas (FHGV), antiga gestora.

Presenças

Participaram da reunião a secretária de Saúde, Roberta Paganini, o diretor executivo da Secretaria de Saúde (SMS), Paulo Osório, e o presidente do Conselho Municipal de Saúde, Luiz Guilherme Belletti, junto a representantes do Conselho.

Prazo

Nos próximos seis meses, a Prefeitura realizará licitação para escolha de quem administrará a UPA. Até lá, a IB Saúde vai substituir a Fundação Hospitalar Getúlio Vargas (FHGV), que pediu o reequilíbrio econômico-financeiro do contrato firmado em 2016, solicitação indeferida pela SMS por não se adequar à realidade financeira do município (valor solicitado era superior ao do novo contrato).

A unidade fica na avenida Ferreira Viana, 2.231, e funciona de segunda a segunda, 24 horas.

Notícias Relacionadas

Comentários ()

Seções