Diário da Manhã

sábado, 24 de fevereiro de 2024

Notícias

Inicia instalação de contêineres na Emef Getúlio Vargas, de Pelotas

Inicia instalação de contêineres na Emef Getúlio Vargas, de Pelotas
19 outubro
18:31 2023

Trabalho de será dividido em quatro etapas. Retomada das atividades escolares deve se dar na primeira quinzena de novembro

A Prefeitura de Pelotas iniciou, nesta quinta-feira (19), o processo de instalação dos contêineres que servirão como estrutura alternativa para o retorno das atividades na Escola Municipal de Ensino Fundamental (Emef) Getúlio Vargas. O contrato firmado com a empresa responsável pela locação dos contêineres dispõe de prazo de 45 dias corridos para execução completa dos serviços. A montagem tem acompanhamento dos setores de Engenharia Escolar e Manutenção Escolar da Secretaria Municipal de Educação e Desporto (Smed). A expectativa é que as atividades escolares sejam retomadas ainda na primeira quinzena de novembro.

De acordo com a secretária de Educação e Desporto, Adriane Silveira, além dos serviços de instalação, uma série de atividades estruturais vem sendo desenvolvida pelas equipes da Smed. “Desde o início desse processo todo, as nossas equipes vêm atuando em serviços que ficaram sob nossa responsabilidade. Exemplos desses serviços são os reparos estruturais necessários para a colocação dos contêineres, como restauro do muro lindeiro ao lado do posto de saúde, execução da rede coletora de esgoto do local e preparação do terreno para recebimento das estruturas”, explica a gestora.

O processo completo de instalação das estruturas dá-se por meio de quatro etapas. Neste primeiro momento, estão sendo colocados os contêineres que servirão como espaços comuns da escola, como banheiros, cozinha, despensa e refeitório.

A segunda e terceira etapas do processo consistem na instalação de oito salas de aula. A quarta fase do trabalho contempla a implantação de mais três salas de aula e espaços direcionados ao quadro de funcionários do educandário, como sala de professores, secretaria e sala de atendimento educacional especializado.

Para a colocação dos primeiros módulos, os departamentos de Engenharia e Manutenção da Smed realizaram todo o serviço de preparação do espaço. As equipes foram responsáveis pela execução de pontos de apoio no solo, com a colocação de 150 sapatas que receberão a instalação dos contêineres.

A partir da entrega do serviço, por parte da empresa responsável, o Município deve realizar, ainda, a ligação das redes de energia elétrica e de abastecimento de água potável. As aulas na escola deverão ser retomadas somente a partir da efetivação de todos os serviços básicos, garantindo a qualidade do ensino e a segurança a todos os estudantes e professores da instituição.

 

 

Foto: Rodrigo Chagas

Notícias Relacionadas

Comentários ()

Seções