Diário da Manhã

segunda, 27 de junho de 2022

Notícias

Inovações relacionadas as moedas digitais começam a ganhar espaço no Brasil em 2022

Inovações relacionadas as moedas digitais começam a ganhar espaço no Brasil em 2022
22 junho
11:34 2022

O uso de criptomoedas para pagamento é algo consolidado, sobretudo nos Estados Unidos e alguns países da Europa

Porém, aqui no Brasil, essa é uma inovação que ainda precisa ganhar espaço. A boa notícia é que isso acontece com rapidez, e várias novidades estão surgindo. Recentemente, por exemplo, rumores indicam que o Pix pode ser integrado ao uso de moedas digitais. Isso é algo que causaria grande impacto no mercado financeiro nacional, e daria para essa tecnologia ainda mais protagonismo.

Essa notícia da integração do Pix surgiu com a chegada da empresa Lemon Cash no Brasil. Um dos recursos anunciados é a opção de usar criptomoedas, com foco no Bitcoin, para realizar transferências e pagamentos. Porém, isso é apenas o primeiro passo de algo que pode ficar ainda maior. A confirmação do funcionamento desse serviço só deve vir nos próximos meses. Afinal, é uma ideia inovadora, mas que pode enfrentar dificuldades por questões burocráticas.

Independente disso, é uma notícia que mostra como o Brasil tem avançado neste sentido. As moedas digitais precisam ser mais discutidas por aqui, justamente para ampliar o uso. A tecnologia não é perfeita, mas está longe de ser algo complicado ou problemático. Isso até chamou a atenção do Banco Central, que começou a discutir a implementação de uma moeda digital 100% nacional. Nós mostramos a notícia sobre isso, mas até hoje não foi dado um passo concreto para isso. A expectativa é que isso ocorra em 2023, após as eleições.

Enquanto isso, várias outras pautas sobre criptomoedas vão ganhando espaço por aqui. Algumas lojas de e-commerce, por exemplo, começaram a negociar o uso das moedas digitais como forma de pagamento. Pode parecer algo simples, mas seria algo diferente e inovador para o mercado brasileiro. O Mercado Livre, a Amazon Brasil e outras empresas desse setor seriam as principais interessadas nisso. O objetivo é aumentar os locais que aceitam essa inovação como pagamento por serviços.

Bitcoin como prioridade

A primeira ação é colocar o bitcoin como principal moeda para os brasileiros, afinal é a que possui a melhor estrutura e uso atualmente. Os lugares que costumam aceitar moedas digitais como pagamento, cerca de 500 em São Paulo, costumam focar no bitcoin. Ou seja, esse é um termo que é mais familiar por aqui, por isso poderia facilitar o entendimento da população. No caso de investimento, isso também acontece, pois a moeda é a mais usada para esse objetivo.

Não é incomum ver serviços que começaram a aceitar moedas digitais pelo bitcoin. Isso aconteceu, por exemplo, com os cassinos online no Brasil. Os melhores sites de jogos de apostas, como o pôquer, a roleta e o blackjack, aceitam o bitcoin como forma de pagamento e chamam a atenção dos apostadores por causa disso. Foi uma maneira de usar as criptomoedas para atrair mais pessoas. Isso deu certo, e acabou sendo uma opção interessante, inclusive com a possibilidade de bônus no primeiro depósito em alguns sites.

O objetivo é ver a lista de serviços online que aceitam moedas digitais aumentando todos os meses. Algo que tem sido conquistado gradualmente no Brasil, mesmo que de maneira lenta. Esse tema ainda precisa ganhar mais espaço, até mesmo para desmistificar sobre o funcionamento e as características dessas moedas. A inovação sempre vai causar dúvidas, mas isso pode ser resolvido com a chegada de empresas e a ajuda do estado.

Brasil mais digital

Nos últimos cinco anos, o Brasil passou por uma forte digitalização em diferentes serviços. Alguns atendimentos e tarefas burocráticas começaram a ser resolvidos online, e o resultado foi uma economia bilionária. Ou seja, o digital é um aliado para o setor financeiro, e as moedas digitais também fazem parte disso. Mesmo que seja de maneira indireta, inclusive para os bancos.

O importante é que isso ocorra também com precauções, para que as criptomoedas possam ser utilizadas de maneira regular e sem qualquer dificuldade. São desafios que fazem parte da mudança, sobretudo quando estamos falando de novas tecnologias. Isso aconteceu quando ocorreram a digitalização de serviços básicos, como do Detran e do INSS, por isso não é nada tão diferente.

As inovações estão ganhando espaço no Brasil, sobretudo como foco nas criptomoedas. Seja com um lançamento do Banco Central, ou então com uma possível integração do Pix, o importante é ver isso mudando a vida das pessoas. As moedas digitais podem trazer grandes benefícios, mas para isso é preciso investimento e muito cuidado.

Imagem Fonte: Unsplash

Notícias Relacionadas

Comentários ()

Seções