Diário da Manhã

segunda, 17 de janeiro de 2022

Notícias

Panorama xavante discutido no Bento Freitas

30 dezembro
09:56 2021

Assuntos como futebol, patrimônio, patrocinadores e gestão da base foram abordados na Baixada no encerramento de 2021

Entrevista coletiva foi convocada para o fim de tarde de quarta-feira (29), no estádio Bento Freitas.

“Temos a urgência de trazer um lateral direito após a saída do Netinho, mas queremos mais um zagueiro, pretendemos trabalhar com cinco no elenco, queremos mais um volante de segunda função e mais um atleta polivalente, que faça mais de uma função”, afirmou Arthur Lannes sobre o planejamento do elenco do Xavante. Hoje o Brasil tem 23 atletas à disposição do técnico Jerson Testoni e completa os treinos com mais três jogadores da base, estes sem contrato profissional.

Brasil espera reinaugurar arquibancadas da JK, chamadas módulo Thiago Perceu, no Gauchão; Xavante prepara campanha de sócios para ser lançada no começo de janeiro e relata grandes dificuldades financeiras
Foto: Volmer Perez / GE Brasil

O profissional Robert Veiga, o ‘Maninho’ foi apresentado como um dos novos dirigentes no futebol: “Tenho experiência grande no esporte, no futebol de salão, para ajudar o Brasil. Estamos botando a cara à tapa no momento em que o Brasil caiu de divisão, um cenário não tão bom, mas o pessoal se aproximou, trabalha diariamente, com mesa cheia. Pontualmente, meu trabalho é de apoio ao Arthur (Lannes) e contato com o campo”.

Sobre as saídas do atacante Netto e do zagueiro João Siqueira, que estavam na campanha do rebaixamento e não se apresentaram: “Nossa ideia é liberar os atletas para outras oportunidades. A gente entende o lado deles e tenta agilizar esse processo. Por estarem no elenco até o final da temporada, eles ganharam uma semana a mais para se reapresentarem, mas tiveram essa dificuldade, inclusive de retornar as mensagens do clube, então optamos pelas suas saídas”, resumiu Arthur.

Sobre patrocinadores, o Xavante trabalha para aumentar seu orçamento: “Estamos em contato com o Banrisul. Ainda não há uma definição de valores. Sobre a Osirnet, faltam alguns detalhes para a assinatura. A Biscoitos Zezé já está renovada. Estamos abertos a negociações com empresários a nível nacional, estadual e municipal. Portas abertas para fortalecermos marcas locais”, afirmou o dirigente Vinícius Colvara, no dia em que o Brasil anunciou a parceria com a padaria Labodeguita, no bairro da Guabiroba.

BASE: segundo o Brasil, o rompimento com a GSA foi por conta de uma quebra de contrato por parte da empresa carioca. “Achamos por bem encerrarmos o contrato. A GSA tinha a missão de tocar a base, mas não tinha a gestão administrativa, então houve a quebra de contrato com o nosso Jurídico. O serviço que prestaram de forma interna, no campo, foi excelente, mas a questão de documentação, de gestão estava sendo mal conduzida e foi encerrada.” A promessa é da continuidade da base para 2022. O Xavante convive com a dificuldade financeira e espera apoio para definir as próximas diretrizes. Jorge Moro segue como gestor da base.

Comentários ()

Seções