Diário da Manhã

domingo, 26 de maio de 2024

Notícias

Pelotas já articula realização da Quinzena do Pêssego

Pelotas já articula realização da Quinzena do Pêssego
22 abril
20:09 2024

Evento que celebra maior produção da fruticultura local está agendada para 24 de novembro

Prefeitura, Embrapa, Emater, Sindicato dos Trabalhadores Agricultores Familiares de Pelotas, Comunidade São Pedro, Vila Nova, Quilombo, Centro Cultural Nativista Raízes da Tradição, Esporte Clube Vila Nova e produtores já se dedicam ao planejamento da 11ª Quinzena do Pêssego, cujo período reúne programação diversificada em torno da safra mais representativa e tradicional da fruticultura pelotense. A Festa Municipal do Pêssego de 2024 já tem data definida. Será no dia 24 de novembro. Na segunda-feira (29), a comissão organizadora terá novo encontro, na sede da Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), para provável anúncio do local do evento.

Organizadores debatem sobre programação da Quinzena – Fotos: Divulgação/SDR

“Reafirmamos nosso compromisso em promover e celebrar a cultura do pêssego em Pelotas devido à evidente importância dos nossos pomares para a economia agrícola local, da região, do Rio Grande do Sul e do Brasil. O município mantém sua posição no ranking, como o maior produtor de pêssego para a indústria do país. Os encontros da comissão organizadora da Quinzena. que neste ano chega à 11ª edição, tornam-se marcos significativos para avaliação do sucesso das anteriores, desafios e planejamento da próxima”, registra o secretário de Desenvolvimento Rural, Romualdo Cunha Júnior.

A safra do ano passado teve registro de 41% de quebra em relação à de 2022, segundo avaliação da Emater, em decorrência da atuação do fenômeno El Niño, no segundo semestre, com intensas precipitações, fortes rajadas de ventos e ocorrências de granizo. A produção local de 2023 foi de aproximadamente 23 mil toneladas. Pelotas conta com 615 produtores de pêssego e 3.260 hectares de pomares da fruta na zona rural.

Quinzena do Pêssego

A Quinzena do Pêssego foi criada há uma década pelo gabinete da vice-prefeita Paula Mascarenhas, hoje prefeita em seu segundo mandato. O período acolhe uma série de iniciativas em torno da tradição e popularização da cultura da fruta no município, como a inserção nos pratos da merenda escolar, nos cardápios de restaurantes parceiros, nas visitas das soberanas da Corte a diversos estabelecimentos para divulgação, além da participação em feiras e eventos afins.

Em torno da safra, uma série de eventos são abertos ao público, a começar pela escolha da rainha e princesas da Corte do Pêssego, seguindo-se da abertura da Quinzena, da Abertura Oficial da Colheita, da Festa Municipal do Pêssego e da Feira Municipal, com instalação de bancas no Centro e em bairros da cidade para comercialização da fruta in natura e derivados diretamente do produtor ao consumidor. Na última Feira, foram vendidas 4,9 toneladas de pêssego.

“O diferencial do pêssego pelotense é a qualidade. As variedades oferecidas ao consumidor têm se caracterizado por incomparáveis sabor e aparência, agradando todos os gostos. O Município está empenhado em garantir que os eventos da safra deste ano não apenas honrem nossa tradição, mas também impulsionem ainda mais o desenvolvimento e a excelência da produção local”, afirma o secretário Romualdo.

Notícias Relacionadas

Comentários ()

Seções