Diário da Manhã

quinta, 09 de julho de 2020

Notícias

ACADEMIA DO SAMBA : Na mesa de um bar nasce o meu Carnaval

11 março
10:47 2020

A 1h30min do dia 29, Academia do Samba homenageia J.J. Soares

Por Carlos Cogoy

Foi um sonho de menino/ Que nossa azul e branco fez virar realidade/ nascido José Jesuíno/ Ele é Zequinha, o mensageiro da amizade/ é rubro-negro, foi garçom e radialista/ servente de pedreiro e trabalhador rural/ Mas despertando o seu dom de grande artista/ nos brindou com lindas obras e talento genial/ o criador do Pelotense Cidadão vê então/ no bar nasce meu Carnaval. Estrofe que abre o samba-enredo, autoria do talentoso Ladislau Cavalheiro, da Academia do Samba no Carnaval 2020. Conforme Denise Vargas, que preside a escola, o desfile está marcado para 1h30min do dia 29 deste mês. Na disputa das escolas do grupo especial, a escola que recentemente completou 71 anos, estará homenageando José Jesuíno Fonseca Soares, o J.J. Soares ou “Zequinha”, como é popularmente conhecido.

Daniela Brizolara, homenageado J.J. Soares e Denise Vargas

Daniela Brizolara, homenageado J.J. Soares e Denise Vargas

J. J. SOARES há quinze anos está à frente do programa Mesa de Bar, que é veiculado pela TVC. Ele e o câmera Tadeu Moreira, com o apoio técnico de “The Leon”, percorrem diferentes bares, clubes e eventos. Nas entrevistas, a valorização da cultura popular. Mas a trajetória de “Zequinha” começou bem antes. Ainda guri, vendeu água no cemitério, ajudou o pai pedreiro, e cortou aspargo na colônia. No “Xavante”, clube do coração, chegou a jogar na equipe juvenil. “Zequinha” foi garçom e, na rádio Cultura, onde trabalhou 35 anos, começou como recepcionista, tornou-se operador, coordenou a gravadora e discoteca, até transformar-se em apresentador. Na emissora, criou programas como Carnaval É Cultura, Bastidores da Folia e Na Cadência do Samba.

MESA DE BAR – Conforme divulga Denise Vargas: “Há trinta anos, Zequinha criou o programa Mesa de Bar, que era apresentado por Abel Santa Cruz e Regina Macedo. Alguns anos depois, ela tornou-se esposa de Zequinha. O programa era transmitido aos domingos das 10h ao meio-dia, diretamente dos bares de Pelotas”. O primeiro foi transmitido no então bar “A Gruta”, e o segundo no antológico “Pássaro Azul”. Outra iniciativa que surgiu com o Mesa de Bar, foi o Troféu Pelotense Cidadão, que é oferecido na terceira segunda-feira do mês.

ACADEMIA desfilará com 450 componentes. No entanto, a presidenta Denise observa que o número ainda poderá ser ampliado. Na equipe, o carnavalesco Carlos Alberto Borges, porta-estandarte Milene Gomes Cassana, mestre-sala João Pedro Piegas Pereira, e a porta-bandeira Caroline Ribeiro. Harmonia reúne os intérpretes Cristiane Gomes, Desirée Salles, Jackson Fernandes, João Melodia, Leh Moraes e Marcelo de Linhares; Alexandre “Mojô” Marshall e Gustavo Soares (cavaquinho); violonistas Jorge Victoria (Jota Jr), e Marco Antônio “Pelé” Alves.

Academia do Samba logo  (2)“BANHA” como era conhecido Gilberto Gomes, falecido neste ano, será lembrado na Ala dos Cartolas, fundada por ele. Na trajetória dedicada ao Carnaval, Banha presidiu a Academia por mais de um mandato.

ENSAIOS - Interessados em participar do desfile da Academia do Samba, podem entrar em contato com o carnavalesco através do fone (53) 98478.7271, ou com a presidente (53) 99137.8338, ou ainda, ir até a sede – rua Dr. Amarante 1.041 – diariamente no horário das 15h às 22h.

Notícias Relacionadas

Comentários ()

Seções