Diário da Manhã

quinta, 23 de janeiro de 2020

Notícias

ZONA RURAL : Internet móvel no transporte coletivo

ZONA RURAL : Internet móvel no transporte coletivo
13 janeiro
09:56 2020

O novo sistema de transporte rural de passageiros, que iniciou as operações em 1º de maio de 2019, após processo de licitação promovido pela Prefeitura, trouxe diversas melhorias, entre elas ônibus mais seguros e confortáveis, tarifa bem mais baixa – igual à praticada na zona urbana, de R$ 4,00 para o pagante em dinheiro de R$ 3,95 para o usuário de cartão, independentemente da distância percorrida – e avanço tecnológico, com bilhetagem eletrônica, câmeras de segurança, GPS e o oferecimento de Wi-Fi (internet móvel) nos 16 carros da frota, que possibilita aos usuários acesso à informação em todo o trajeto de ida e volta à cidade.

É uma mostra do respeito que temos pela população rural e a importância que o nosso governo dá ao transporte coletivo de passageiros, no momento em que um dos grandes desafios das gestões públicas é a questão da mobilidade urbana”, assegura a prefeita Paula Mascarenhas.

O secretário de Transporte e TrânsitoFlávio Al-Alam, salienta que, “apesar da internet móvel não ser uma exigência estabelecida em contrato, a empresa Santa Cruz, que foi vencedora da licitação e opera o serviço há pouco mais de meio ano, surpreende positivamente, superando desafios e proporcionando mais conforto e qualidade no transporte oferecido aos passageiros. A instalação de Wi-Fi nos coletivos significa mais um benefício aos usuários”.

Os incrementos voltados à qualidade do transporte rural avançam ainda mais. A frota passa por renovação e, embora também não constem em contrato, veículos mais novos, que estão em aquisição pela concessionária, contarão com ar-condicionado.

Al-Alam informa que a frota já tem dois ônibus mais novos e três em processo de adequação para entrarem em operação. “Destes cinco, quatro são equipados com ar-condicionado e estarão à disposição dos usuários em breve”, afirma.

Os 16 ônibus da frota da colônia disponibilizam Wi-Fi aos usuários

Os 16 ônibus da frota da colônia disponibilizam Wi-Fi aos usuários

OPINIÃO DE USUÁRIOS

Para Alvacir Scaglione, que mora na Gama, 9º distrito, Monte Bonito, o novo sistema de transporte coletivo rural possibilita que as pessoas viagem mais. “As mudanças, principalmente a equivalência da tarifa com a urbana, vieram para melhor. Quem mais ganhou foram os moradores da colônia que trabalham ou estudam na cidade. Tudo que for feito para melhorar ainda mais é bem-vindo”, afirma.

Scaglione não paga tarifa, dispondo do benefício da gra tuidade. No entanto, ele assegura: “Já paguei caro no passado. Hoje, a lei me garante o direito de não pagar mais. Porém, penso naqueles que precisam desembolsar o valor da tarifa e foram privilegiados. As melhorias se verificam não só no preço da passagem, mas no atendimento dos motoristas e cobradores e na qualidade dos ônibus. A instalação do Wi-Fi traz ainda mais conforto e, sobre o ar-condicionado, nem se fala”.

A estudante Gabriela Angelita Hesslr, de 16 anos, moradora na colônia, avalia a mudança da prestação de serviços de transporte rural e assegura que tudo veio para melhor. “A tarifa é o maior benefício e a chegada da internet móvel nos ônibus ajuda a passar o tempo e a manter os usuários atualizados. O sistema está superaprovado. Não acreditávamos, quando foi anunciado, que se tornaria realidade”, comenta.

Para lembrar, a tarifa cobrada do ponto mais distante da zona rural, no 4º distrito, Triunfo, custava R$ 18,40 até 1º de maio de 2019. Muitos moradores, embora tivessem vontade, não viajavam à cidade por falta de condições. Cálculos atuais acusam a economia de R$ 28,80 no deslocamento ida e volta com a passagem atual de R$ 4,00.

Dados do antigo sistema acusavam a média mensal de 32 mil passageiros pagantes. A licitação foi feita em cima da projeção de 40 mil, e o novo modelo apresenta o balanço real: de 1º de maio a 30 de novembro, a média/mês foi de 48.122. A Secretaria de Transporte e Trânsito (STT) informa que a média de quilometragem percorrida (maio/novembro) foi de mais de 69 mil quilômetros.

Notícias Relacionadas

Comentários ()

Seções