Diário da Manhã

domingo, 24 de janeiro de 2021

Notícias

CAMPEONATO GAÚCHO : Brasil questiona proposta de finalizar o Estadual em sedes-únicas

14 junho
15:10 2020

Por: Henrique König

O GE Brasil aguarda certificações da prefeitura que autorizem a volta aos treinamentos no Bento Freitas. Mas sabe que não é só isso. É preciso buscar os testes para atletas, comissão técnica e demais funcionários envolvidos no cotidiano. São riscos à saúde e custos para um ano delicado aos cofres.

“A semana foi diferente pela questão da mudança da bandeira em Pelotas para amarela. Ela é um indicativo para a possibilidade dos treinos, mas não é o fator determinante, então conversamos com a prefeitura e outros órgãos e também internamente”, cautelou o vice-presidente Giovanni Alcântara.

Bento Freitas ainda vazio, no aguardo por novidades

Bento Freitas ainda vazio, no aguardo por novidades

O Xavante ainda não se manifestou se é a favor ou contra a volta do Campeonato Gaúcho, em julho, em sedes-únicas. Segundo o dirigente, o Brasil quer maiores detalhes sobre quem arcaria com os preços de viagens e logística de hotéis para os jogos fora de casa.

“Será em Porto Alegre? Hoje, lá está pior do que Pelotas, haverá condições sanitárias? Como será a questão do confinamento? Seria necessário, no mínimo, passar uma semana em Porto Alegre. Quem arcará com os custos: deslocamento, questão de hotéis e alimentação? São pontos para debatermos”, elencou Alcântara.

Por fim, o vice-presidente do Rubro-Negro demonstrou a preocupação com as cotas da Série B do Campeonato Brasileiro e sinalizou que o torneio deve se estender por dezembro e até janeiro. Sobre as cotas: “Um adiantamento é bem-vindo para sanar problemas. A queda de arrecadação é muito grande. Estamos trabalhando com só 30% da nossa receita.”

Na busca por cinco ou seis reforços, o Brasil ainda não anunciou contratações para as rodadas finais do Gauchão e para Série B nacional.

Notícias Relacionadas

Comentários ()

Seções