Diário da Manhã

quinta, 23 de setembro de 2021

Notícias

Divulgadas datas para segunda dose da vacina em Pelotas

Divulgadas datas para segunda dose da vacina em Pelotas
13 setembro
09:49 2021

O complemento da proteção contra a Covid-19 será realizado a partir do dia 14

Município divulgou, neste domingo (12), o cronograma para a complementação da proteção contra a Covid-19. A segunda dose estará disponível, nos pontos de vacinação, em datas já estipuladas pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS). Será atendido o público com idades entre 54 e 58 anos, caminhoneiros (motoristas do transporte rodoviário), pessoas com deficiência com e sem Benefício de Prestação Continuada (BPC) que tenham 18 anos ou mais, bem como jovens de 21 anos.

Confira o cronograma

Drive-thru – das 9 às 17h

Centro de Eventos (entrada pela avenida Pinheiro Machado)

* Terça-feira (14) – 2ª dose para pessoas com 58 e 57 anos, que receberam a primeira dose da AstraZeneca nos dias 13 e 14 de junho

* Quinta-feira (16) – 2ª dose para pessoas com 56 e 55 anos, que receberam a primeira dose da AstraZeneca nos dias 15 e 16 de junho

* Sexta-feira (17) – 2ª dose para pessoas com 54 anos, que receberam a primeira dose da AstraZeneca no dia 17 de junho

* Sábado (18) – 2ª dose para pessoas com 21 anos, que receberam a primeira dose da CoronaVac no dia 18 de agosto

Nos bairros – das 10 às 15h

* Quinta-feira (16) – 2ª dose para pessoas com 58 e 57 anos, que receberam a primeira dose da AstraZeneca nos dias 15 e 16 de junho

* Sexta-feira (17) – 2ª dose para pessoas com 56 e 55 anos, que receberam a primeira dose da AstraZeneca nos dias 17 e 18 de junho

* Terça-feira (21) – 2ª dose para pessoas com 54 anos, que receberam a primeira dose da AstraZeneca no dia 21 de junho

IFSul – Praça 20 de Setembro, com entrada pela rua Jornalista Cândido de Melo – das 9 às 17h

* Quinta-feira (16) – 2ª dose para caminhoneiros (motoristas do transporte rodoviário), que receberam a primeira dose da Pfizer nos dias 16 e 17 de junho

* Terça-feira (21) – 2ª dose para pessoas com deficiências permanentes com 18 anos ou mais, que recebem Benefício de Prestação Continuada (BPC), e tenham sido vacinadas com a primeira dose da Pfizer no dia 19 de junho

* Terça-feira (21) – 2ª dose para pessoas com deficiências permanentes com 18 anos ou mais, que não recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC) e tenham sido vacinadas com a primeira dose da Pfizer no dia 19 de junho

Fique atento aos endereços dos pontos de vacinação nos bairros

– Pelotas Parque Tecnológico – avenida Domingos de Almeida, 1.785 – Areal

– Colégio Pelotense – Ginásio, entrada pela avenida Bento Gonçalves – Centro

– Associação Rural – Casa da Amizade, avenida Fernando Osório, 1.754 – Três Vendas

– Paróquia São José, na avenida Duque de Caxias, 520, no Fragata

Documentos necessários

– Carteira de Vacinação para comprovar a 1ª dose; e

– documento de identidade.

Para agilizar o processo de imunização, tanto nos drive-thrus quanto nos pontos dos bairros, a Prefeitura disponibiliza, no hotsite do coronavírus, o comprovante de vacinação. As pessoas que irão se vacinar podem levar o documento impresso, com as informações pessoais preenchidas. No entanto, a SMS esclarece que levar o comprovante preenchido não é uma obrigação, mas uma maneira de facilitar o trabalho e diminuir o tempo de espera durante a vacinação.

A unidade está localizada, no centro, na rua Lobo da Costa, 1.774, e atende das 13h30min às 17h, de segunda a sexta-feira.

Laboratório Municipal põe em dia vacinação em atraso

Pessoas que, por algum motivo, perderam a data das ações de vacinação organizadas pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS) deverão procurar o Laboratório Municipal, localizado na rua Lobo da Costa, 1.774, para a imunização. O atendimento ocorre de segunda a sexta-feira, das 13h30min às 17h.

Além das vacinas que protegem contra a Covid-19, a SMS também disponibiliza outros tipos de imunizantes para a prevenção de doenças tanto para o público infantil, quanto para a população adulta.

Orientações importantes

A Secretaria Municipal de Saúde informa que é preciso aguardar o intervalo mínimo de 14 dias entre a aplicação da vacina contra a Covid-19 e qualquer outra do esquema vacinal, incluindo a que protege da gripe, para garantir a imunização correta.

Além disso, as pessoas que apresentarem sintomas gripais não devem comparecer na data marcada. O mesmo vale para quem tiver positivado para o coronavírus. É necessário aguardar 30 dias do início dos sintomas para receber a aplicação.

Notícias Relacionadas

Comentários ()

Seções