Diário da Manhã

terça, 02 de março de 2021

Notícias

Inaugurados 10 novos leitos de UTI em Pelotas

Inaugurados 10 novos leitos de UTI em Pelotas
18 janeiro
15:29 2021

Pelotas recebeu nesta segunda-feira (18/1) mais 10 vagas de Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) adulto no Hospital Universitário São Francisco de Paula, como parte do enfrentamento à pandemia de Covid-19 no Estado. Os leitos são para uso exclusivo de pacientes com suspeita ou diagnóstico confirmado da doença, e estão disponíveis à população por meio do Sistema Único de Saúde (SUS).

Representando o governo do Estado, a secretária adjunta da Saúde em exercício, Ana Costa, disse que “a união de esforços entre os entes públicos e os prestadores de serviços realmente faz diferença na vida da população gaúcha”. Ana ainda ressaltou que o governo do Estado disponibilizou equipamentos hospitalares, como respiradores, para que a abertura desses novos leitos fosse possível, além de todo o trâmite no Ministério da Saúde. “Hoje é um dia simbólico. Temos a vacina e temos melhor assistência para aqueles que ainda assim precisarem, uma vez que a vacinação será realizada gradualmente”, acrescentou.

A abertura desses leitos faz parte do processo de reforço da assistência hospitalar do Estado, que, neste início de 2021, deve disponibilizar 100 novas vagas ou reaberturas de leitos de UTI, além de mais 68 leitos de retaguarda, para serem usados de acordo com a demanda. Já foram abertos, na última semana, 10 leitos no Hospital São Vicente de Paulo, em Osório, e o mesmo número no Hospital São Vicente de Paulo de Cruz Alta.

Em todo o RS, com a abertura ou reativação de leitos de UTI SUS mais os de retaguarda, a ampliação na estrutura de internação de pacientes graves já alcança 115% – de 933 em março para 2.018 em janeiro.

A região Covid de Pelotas conta com 136 leitos de UTI pelo SUS e outros 27 privados, os quais se encontram, nesta segunda-feira (18/1), com 87,1% de taxa de ocupação. Esses leitos estão distribuídos em 20 hospitais.

Prefeita participa da abertura de novos leitos de UTI Covid

Reunião e visita, dentro dos protocolos de prevenção ao coronavírus, à Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) Nossa Senhora da Conceição, no Hospital Universitário São Francisco de Paula (HUSFP), marcaram a ativação de dez novos leitos de UTI Covid em Pelotas na manhã desta segunda-feira (18). A ala foi estruturada a partir de repasse de equipamentos pelo governo do Estado, de recursos financeiros do Município, e de estrutura física e de pessoal sob a responsabilidade do HUSFP. A partir deste início de semana, a cidade passa a contar com o total de 40 leitos de UTI exclusivos para casos suspeitos ou confirmados para coronavírus.

O ato simbólico, liderado pela prefeita Paula Mascarenhas, com a presença da secretária adjunta estadual de Saúde, Ana Costa, do deputado federal Daniel Trzeciak, do deputado estadual Luiz Henrique Viana, do reitor da Universidade Católica de Pelotas (UCPel) José Carlos Bachettini, de autoridades municipais e de gestores do hospital, marcou a entrega de dez respiradores e de dez monitores que garantirão o funcionamento dos novos leitos de tratamento intensivo.

Autoridades participaram da entrega nesta segunda

“Nossa união é pelas pessoas, que são para quem trabalhamos. O Rio Grande do Sul aumentou, em 100%, o número de leitos de UTI. Foi o maior incremento já realizado e estamos analisando a possibilidade de manter o funcionamento de alguns no pós-pandemia”, anunciou Ana Costa.

A gestora municipal destacou a importância da ampliação do serviço Covid em Pelotas, com a inclusão do HUSFP na rede de hospitais públicos com leitos de UTI para casos de coronavírus.

“É muito importante porque nos permite manter o equilíbrio que sempre buscamos desde o início, entre as atividades econômicas, com a manutenção dos empregos e, ao mesmo tempo, a proteção das pessoas. O aumento do número de leitos de UTI ajuda muito nessa equação”, destacou a prefeita.

Para o funcionamento dos novos leitos, o Município assinou o termo aditivo do contrato com o HUSFP, que prevê a transferência de R$ 432 mil por mês, referente ao valor das diárias dos dez leitos, além do incentivo de R$ 200 mil. O contrato é válido por três meses, totalizando o investimento de aproximadamente R$ 1,9 milhão.

Nova UTI Covid

A comitiva teve a oportunidade de conhecer as instalações da nova UTI Covid, localizadas no quinto andar do HUSFP, área com total isolamento. O local passou por algumas adaptações e foi apresentado pelo diretor de Assistência do hospital, Edevar Machado Júnior, que destacou as áreas de desinfecção criadas para controlar a saída e a entrada dos profissionais que irão atuar na ala.

“Toda a estrutura foi preparada conforme os protocolos exigidos pelo Ministério da Saúde. Para o hospital, que também é centro educacional, oferecer serviço de tratamento intensivo Covid é um grande desafio e só foi possível porque houve envolvimento de coração de muitas pessoas”, salientou o diretor.

Equipe específica de profissionais, entre eles 27 enfermeiros e técnicos em Enfermagem, foi formada para colocar a UTI em funcionamento. A técnica de Enfermagem Manoela Vasconcelos já estava pronta para receber o primeiro paciente. Com experiência em UTI Covid, por ter atuado na Beneficência Portuguesa, ela sabe o quanto o papel dos profissionais da Unidade vai ser importante no enfrentamento à pandemia.

“Nada é pior do que ver as famílias separadas dos doentes. O trabalho é tenso e a nossa responsabilidade é gigante. Mas, estamos prontos, nossa missão é salvar vidas”, afirmou ao contar que, apesar do contato com casos positivos, não foi infectada pelo vírus até agora.

Após a visita das autoridades, a UTI Covid passou por higienização para ser aberta oficialmente aos primeiros pacientes encaminhados pela Central de Regulação de leitos.

Notícias Relacionadas

Comentários ()

Seções