Diário da Manhã

terça, 20 de abril de 2021

Notícias

Marcão salva Pelotas no fim e tira São Luiz da liderança

22 março
09:26 2021

Na Boca do Lobo, Áureo-Cerúleo faz primeiro tempo ruim, mas reage para empatar no final da partida com o Rubro

Por: Henrique König

Na noite de domingo (21), às 20h, o Pelotas recebeu o então líder São Luiz, pela 5ª rodada do Campeonato Gaúcho. Após uma primeira etapa ruim, quando levou o gol de Juba, o Lobo precisou reagir na etapa final, amadureceu o gol de empate, mas ele só veio aos 45 minutos, com o centroavante Marcão, dando números finais ao confronto.

Com o placar de 1×1, o Pelotas chega a 6 pontos na tabela. Na próxima rodada, recebe o Aimoré, novamente na Boca do Lobo, na quarta-feira (24). O Lobão ainda não venceu em casa no Gauchão.

Na Boca do Lobo, Áureo-Cerúleo faz primeiro tempo ruim, mas reage para empatar no final da partida com o Rubro

No primeiro tempo, o Pelotas teve dificuldade em produzir o ritmo da partida. O São Luiz esteve muito confortável no jogo. Quando conseguiu acelerar troca de passes, o Rubro criou oportunidade. Em um escanteio da direita, o toque de cabeça de Hugo Almeida foi pela linha de fundo, aos 10’. Em outra investida, o pivô errou o último passe e a defesa do Lobo afastou.

Do lado do Pelotas, quase nenhuma armação de jogada. Em uma das poucas, Wesley chegou ao fundo de campo, cruzou rasteiro, a zaga cortou e, na sobra, Marcelo chutou alto demais, por cima. No lado rubro, Hugo Almeida insistia. Recebeu com espaço na intermediária, girou, chutou rasteiro e Gabriel Leite defendeu, aos 31’.

Volante Juliano avançou em velocidade pelo meio, deixou Leandro Leite para trás, tentou o chute de longe e ninguém do Pelotas desviou essa bola para fazer o gol. Apesar desse lampejo, era um Lobo muito descompassado, com os jogadores distantes uns dos outros para buscar as jogadas.

E aos 45 minutos, o castigo pela postura ruim do Lobo. Jogada dos conhecidos: Germano fintou pela direita, chegou ao lado da área, soltou a

bola rasteira e Juba dominou para finalizar sem chances a Gabriel Leite: 1×0 para o São Luiz.

O Pelotas se atirou mais ao ataque na etapa final: precisava. A primeira chance aos 8’, quando Marcos Paulo tocou para Bustamante, que finalizou para fora. No minuto seguinte, uma ótima oportunidade. Marcelo cobrou falta, Moisés desviou de cabeça e a bola raspou o poste.

Era pressão pelotense. Aos 15’, Marcelo suspendeu lateral na área, bate-rebate em cabeçadas, Moisés finalizou e Renan Rocha fez milagre para evitar o empate. O tempo passava, o técnico Ricardo Colbachini providenciou as cinco trocas no Lobo. Ficou com o time com opção pelas laterais e dois homens de área, com as entradas de Marcão e Caio Mancha.

Eram poucas conclusões. Uma delas foi com José Aldo, estreante, de longe e Renan Rocha defendeu firme. Quando subiu a placa de cinco minutos de acréscimo, o momento mágico do futebol. Lançamento de Silvio, toque de cabeça na área e Marcão, sempre ele, completou para as redes: 1×1 na Boca do Lobo, aos 45’.

Com o empate em Pelotas,o São Luiz fica em 3º, mesma pontuação de Inter e Caxias, com 10 pontos. O Grêmio deve assumir a liderança do Gauchão ao cumprir jogo a menos. Enfrenta o São José nesta segunda. Futuramente, cumpre a 1ª rodada diante do Caxias. O Lobão foi a 6 pontos, com uma vitória, três empates e uma derrota.

FICHA TÉCNICA: PELOTAS 1×1 SÃO LUIZ

PELOTAS: Gabriel Leite; Marcelo, Silvio, Mauricio e Gabiga; Moisés (Marcão), Juliano, João Vieira (Zé Aldo), Wesley (Daniel Costa), Bustamante (Thomas Luciano) e Marcos Paulo (Caio Mancha). Técnico: Ricardo Colbachini.

SÃO LUIZ: Renan Rocha; Mizael, Rafael Goiano, Jadson e Gabriel Araújo; Leandro Leite, Paulinho, Juba, Germano, Ariel (Márcio Goiano) e Hugo Almeida (João Marcos). Técnico: Paulo Henrique Marques.

  • ÁRBITRO: Rafael Klein
  • Partida válida pela 5ª rodada do Campeonato Gaúcho, na Boca do Lobo, em Pelotas (21/03)

 

Notícias Relacionadas

Comentários ()

Seções