Diário da Manhã

quinta, 23 de setembro de 2021

Notícias

Vereadores irão questionar secretários sobre obra na Ildefonso Simões Lopes

Vereadores irão questionar secretários sobre obra na Ildefonso Simões Lopes
18 agosto
13:49 2021

Titulares das secretarias de Trânsito e Obras estarão na Câmara na próxima semana

Os acidentes e atropelamentos registrados ao longo da avenida Ildefonso Simões Lopes, na zona norte de Pelotas, nas últimas semanas foram tema de manifestações na Câmara Municipal nessa quarta-feira por parte de vários vereadores. Com o objetivo de esclarecer dúvidas e discutir soluções para os problemas, a liderança do governo no Legislativo agendou uma reunião conjunta com os secretários de Transportes e Trânsito, Flávio Al Alam e Planejamento, Roberto Ramalho para a próxima quarta-feira, dia 25, a partir das 10h.

Anselmo Rodrigues (PDT)

O tema entrou em pauta através do vereador Anselmo Rodrigues (PDT) através do relato sobre de atropelamentos que testemunhou na avenida. “Eu já denominei de avenida da morte. Sábado retrasado estava indo para o centro e tinha um ser humano espichado no asfalto, atropelado. Sábado passado mais outro. Em menos de dez dias foram dois”, diz.

A construção da pista de ciclistas é apontada pelos vereadores e moradores da área como a causa central dos acidentes. “Ali é um dos trânsitos mais violentos da cidade e invadiram a pista de rolamento, estreitaram a via e ainda cruzaram a avenida com uma pista de ciclismos que poderia ter sido construída em linha reta atrás do canal”, afirma.

A partir de observações feitas no local e das queixas dos moradores da região o presidente da Câmara, vereador Cristiano Silva (PSDB) fez coro a Rodrigues e alertou que caso comprovada a influência da obra nos acidentes e a pista não seja desmanchada pode haver sérias consequências para a administração municipal. “O secretário, o engenheiro responsável e até mesmo a prefeita poderão ser responsabilizados civil e criminalmente”, declara.
O vereador Michel Promove (PP) foi outro a engrossar as críticas ao projeto da ciclofaixa e cobrou a falta de diálogo com a comunidade sobre esse tipo de intervenção por parte da Prefeitura. “Estão construindo vários empreendimentos naquela região e acho que simplesmente um secretario que está aqui para executar seu trabalho não pode ter poder absoluto de decidir pela comunidade, então todo o trabalho nessas áreas, aonde a densidade populacional aumenta a cada dia, tem que ser construído junto com a comunidade”.

RESPOSTA DA LIDERANÇA – Em resposta às críticas o líder do governo na Câmara, Marcos Ferreira, Marcola (PTB) marcou a reunião com os dois secretários responsáveis pelo projeto na avenida Ildefonso Simões Lopes. Além disso cobrou dos demais vereadores atenção com a proposta de revisão do Plano Diretor que já possui, inclusive comissão especial instalada na Casa como forma de minimizar a ocorrência de novos problemas desse tipo.
“A cidade precisa crescer, mas precisa ser um crescimento ordenado. E para garantir isso temos que fazer nosso dever de casa que é estudar com cuidado a revisão do Plano Diretor e construir propostas capazes de garantir um crescimento harmônico e planejado”, diz.

Notícias Relacionadas

Comentários ()

Seções