Diário da Manhã

domingo, 24 de janeiro de 2021

Notícias

VITÓRIA DO ALÍVIO : Brasil faz bom enfrentamento e supera CRB na Baixada

25 novembro
08:35 2020

Xavante foi efetivo no segundo tempo, marcou com Héverton e Jarro e sustentou vantagem contra adversário perigoso

O Brasil recebeu o seu xará, o Clube de Regatas Brasil (CRB) na noite de terça-feira (24), no Bento Freitas. Em partida válida pela 23ª rodada da Série B do Brasileiro, os gols foram no segundo tempo. Zagueiro Héverton e atacante Jarro foram felizes no encontro com as redes. Bill descontou para os alagoanos, mas foi só: 2×1, placar final.

O Xavante sobe aos 29 pontos e se afasta em nove da zona do rebaixamento. Lembrando que Náutico e Vitória, dois times abaixo do Rubro-Negro ainda se enfrentam pela rodada nesta quarta-feira.

Zagueiro Héverton e atacante Jarro foram felizes no encontro com as redes.

Na Baixada, a surpresa negativo foi mais um desfalque no ataque. Luiz Henrique, o garoto que pegou covid-19 e só deve voltar dia 5 de dezembro, contra o Cruzeiro. Jarro novamente começou o jogo e aproveitou a oportunidade, em partida de muito empenho na marcação, além de inspirações ofensivas. Numa delas, até fez o gol.

O primeiro tempo foi de algumas oportunidades. Pablo Dyego, do CRB, parou em Rafael Martins, em ótima defesa quando, pela única vez, a zaga xavante falhou na etapa inicial. Do outro lado, também Pablo, o volante do Brasil arriscou de longe e Victor Souza espalmou. Em outra boa chegada, Jarro limpou o marcador, finalizou e mandou para fora, raspando a trave.

Victor Souza, que estava bem na partida, entregou na arrancada do segundo tempo. Cruzamento de Matheus Oliveira, o goleiro soltou uma bola fácil e Héverton conferiu: 1×0. O Brasil recuou, esperou o CRB e aproveitou os espaços cedidos. Bruno José pela direita, avançou pelo corredor, tocou com maestria para área e Jarro desencantou: 2×0. Gol importante para a confiança do atacante, o ponteiro gaúcho com passagens por futebol uruguaio, CSA e Goianiense.

O técnico Ramon, do CRB, mexeu em todo o seu ataque, com quatro trocas ao todo. Os alagoanos foram para cima e descontaram no talento do jovem Bill, que infernizou a defesa xavante. Tencati precisou reforçar a marcação e terminou o jogo com Felipe Albuquerque, Rodrigo Ferreira, Alex Ruan e

Bruno Santos. Quatro laterais de origem, denunciando novamente a falta de atacantes de lado no elenco, ou mesmo alas.

Na entrevista coletiva, Tencati afirmou já ter solicitado os atletas e aguarda quem o clube possa trazer, especialmente contratações que podem vir das Séries C e D, que estão em momento eliminatório, além da Série A poder ceder atletas pouco utilizados.

O importante, no momento, é que o Brasil sustentou a vantagem e venceu por 2×1. Vitória para trazer alívio circunstancial. Na sexta-feira, Maranhão, para duelar com o Sampaio Corrêa pela 24ª rodada.

FICHA TÉCNICA: BRASIL 2×1 CRB

BRASIL: Rafael Martins; Rodrigo Ferreira, Leandro Camilo, Héverton e Alex Ruan; Pablo, Bruno Matias (Bruno Santos), Matheus Oliveira (Simião), Jarro (Felipe Albuquerque), Bruno José e Dellatorre. Cláudio Tencati.

CRB: Victor Souza; Reginaldo, Gum, Xandão e Igor; Claudinei, Wesley, Diego Torres (Andeson), Luidy (Bill), Pablo Dyego (Iago Dias) e Hiury (Ramon). Ramon Menezes.

  • ÁRBITRO: Leo Holanda (CE)
  • GOLS: Héverton e Jarro (BRA) | Bill (CRB)
  • Partida da 23ª rodada da Série B, no Bento Freitas, em Pelotas

 

 

 

Notícias Relacionadas

Comentários ()

Seções