Diário da Manhã

quinta, 28 de outubro de 2021

Notícias

XAVANTE : Presidente Nilton renuncia, vices definem se assumem

06 outubro
08:41 2021

Em meio à maior crise diretiva da história recente do Brasil, clube duela com Operário, no Bento Freitas, querendo adiar definição do rebaixamento

Por: Henrique König

Nilton Pinheiro não responde mais pela presidência do G.E. Brasil

Após expirar sua primeira licença de saúde, o presidente Nilton Pinheiro renunciou do cargo no Grêmio Esportivo Brasil. Eleito para este biênio 2021-2022, o dirigente se retira e a presidência xavante fica por conta dos imediatos vice-presidentes, Carlos Renato Moreira e Carlos Monks, conforme está no estatuto do clube. O Conselho Deliberativo, sob a nova presidência de Evanio Tavares, anunciou a saída de Nilton e, pelo que consta, deseja a renúncia completa da atual gestão e a convocação de novas eleições na Baixada.

O vice-presidente Carlos Renato Moreira afirmou que só vai se manifestar sobre a nota divulgada pelo Conselho Deliberativo após o jogo contra o Operário-PR. “Eu não trabalho para alguém, trabalho pelo Grêmio Esportivo Brasil. A decisão se é melhor eu me retirar ou eu permanecer será tomada por mim. Tenho que decidir o melhor para o G.E. Brasil”, contou Carlos Renato.

Saem ou ficam? Carlos Renato Moreira (foto) e Carlos Monks decidem nesta quarta o futuro da direção xavante

A crise é inacabável no Bento Freitas. Após tantos erros diretivos, na formação de um elenco que se tornou cada vez mais descaracterizado, com muitos nomes, mas quase nenhum encaixe, o Brasil alcançou na última derrota para o Cruzeiro o recorde de 16 jogos sem vencer. A situação segue até que se estanque essa sangria com algum resultado em campo. A oportunidade é nesta tarde, às 16h, na Baixada, diante do Operário.

Para o jogo, o terceiro sob o comando do técnico Jersinho, o volante Bruno Matias pode voltar ao time titular e refazer a dupla com Sousa, que reestreou diante do Cruzeiro, em BH. Os meio-campistas, juntos, funcionaram bem na Série B 2020. Eram outros tempos.

Por outro lado, o lateral-esquerdo Kevin está fora em função do terceiro cartão amarelo.

Melhor do que o Brasil, mas o adversário não vem bem. Após a saída do técnico Matheus Costa, o Operário estreia Ricardo Catalá, que catou lá a missão de tirar o Fantasma paranaense do fantasma do rebaixamento. O Alvinegro tem 34 pontos e se aproxima do Z4, inaugurado pelo Londrina, com 30. Nisso tudo, o Xavante se afastou dessa briga e tem apenas 16 pontos. O Rubro-Negro está virtualmente rebaixado. Aguarda apenas a confirmação matemática.

Basta saber qual será a próxima direção executiva do Xavante, para organizar um clube aos frangalhos para a temporada 2022.

FICHA TÉCNICA: BRASIL x OPERÁRIO

BRASIL: Marcelo; Vidal, Ícaro, Arthur Henrique e Paulinho; Sousa, Bruno Matias, Rildo, Netto, Caio Rangel e Erison. Técnico: Jerson Testoni.

OPERÁRIO: Thiago Braga; Alex Silva, Fábio Alemão, Reniê e Djalma Silva; Leandro Vilela, Marcelo Oliveira, Rafael Longuine e Alan; Rafael Oller (Rodrigo Pimpão) e Paulo Sérgio. Técnico: Ricardo Catalá.

  • ÁRBITRO: Ivan da Silva Junior, com Marcos Vieira e Uesclei dos Santos (trio amazonense)
  • HORÁRIO e LOCAL: 16h00, no Bento Freitas, em Pelotas
  • Partida válida pela 29ª rodada da Série B do Brasileiro

Notícias Relacionadas

Comentários ()

Seções